Mercado tem o melhor maio em 3 anos

O mercado de trabalho segue o ritmo aquecido da economia brasileira. O estudo de vagas desenvolvido mensalmente pela Ricardo Xavier Recursos Humanos aponta que, em maio, as empresas investiram e contrataram ainda mais. Foram 545 posições a mais do que em abril, quando haviam sido abertas 2.723 novas vagas. O resultado é ainda mais expressivo se comparado ao mesmo período dos últimos três anos: o crescimento foi de 58,64% em relação ao ano passado, de 17,46% em comparação a 2008 e de 17,68% em relação a 2007.
A pesquisa da Ricardo Xavier Recursos Humanos também levantou as dez áreas que mais abriram posições no mês passado. Em maio, 3.268 novas vagas foram criadas. Dentre elas, 14% na área Comercial; 12% em Engenharia; 8% no setor Administrativo; 7% das posições em Tecnologia da Informação; 6% na área Financeira; 5% em Recursos Humanos; também 5% na área Industrial; 4% em Logística; 4% também em Ciências Contábeis e 3% na área de Marketing.
Para Hélio Terra, Presidente da Ricardo Xavier Recursos Humanos, as projeções de abertura de vagas são ainda mais acentuadas para os próximos meses, o que deve acirrar a disputa por talentos. “As perspectivas otimistas em relação ao Brasil só esbarram praticamente no déficit que o País tem em relação à mão de obra qualificada. Por isso, esse é o momento de os profissionais que estão na zona de conforto avaliarem novos rumos para suas carreiras”, alerta.
A demanda por engenheiros permaneceu em maio. Com 22,46% das vagas, eles lideraram o ranking dos profissionais mais requisitados pelo mercado. Além de Engenharia, as cinco graduações que também se destacaram foram: Administração, com 13,45%; Ciências Contábeis, com 6,54%; Economia, com 3,72%; Propaganda/ Publicidade e Marketing, com 2,52%; e Psicologia, com 2,30%
Apesar de as empresas multinacionais considerarem o Brasil cada vez mais como alvo de investimentos, somente 16,49% dos postos de trabalho foram abertos por elas. As vagas restantes (83,51%) ficaram por conta das companhias nacionais..

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email