Mercado reduz previsão e aposta em corte de juros

O mercado financeiro fez um ligeiro reajuste nas previsões para o reajuste dos preços neste ano. Os analistas esperam que o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) termine o ano em 4,02%, ante 4% da projeção anterior, segundo o boletim Focus, divulgado semanalmente pelo Banco Central.

O centro da meta é de 4,5% do IPCA com margem de tolerância de dois pontos para cima ou para baixo. A expectativa do mercado financeiro está próxima da inflação esperada pelo BC.

De acordo com o “Relatório de Inflação”, a instituição elevou de 3,5% para 4% a previsão do IPCA para este ano e de 4,1% para 4,2% a projeção para 2008.
Para o ano que vem, os analistas esperam que o IPCA fique em 4,10%, mesma projeção do levantamento anterior.

Já a expectativa para o IGP-DI (Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna) foi elevada de 5,24% para 5,36%. Já a do IGP-M (Índice Geral de Preços Mercado) passou de 4,96% para 5,26% neste ano. Para 2008, a previsão está em 4% e 4,09%, respectivamente.

Em relação aos juros as previsões foram mantidas. A expectativa é de um corte de 0,2 ponto percentual na próxima reunião do Copom (Comitê de Política Monetária). Para o ano que vem, a projeção é que a taxa Selic chegue a 10,25% ao ano em dezembro de 2008.

A projeção para a expansão da economia brasileira continua no mesmo patamar. Os analistas do mercado esperam que o PIB (Produto Interno Bruto) tenha um crescimento de 4,70%. Para 2008, a expectativa foi elevada de 4,37% para 4,40%.

Em relação à produção industrial, a aposta de crescimento para este ano está em 4,94%, ante 4,97% previstos anteriormente.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email