Mercado imobiliário online ganha força

Tendência durante a pandemia, as negociações entre as imobiliárias, incorporadoras e os clientes por meio virtual ganhou força e trouxe reflexos positivos para o mercado imobiliário. 

Mantendo o dinamismo, quem está disposto a investir num imovel, terá cinco dias para tentar negociar na primeira Feira Online de imóveis, promovida pela  Cbic (Câmara Brasileira da Indústria da Construção). O evento, em conjunto com a Abrainc (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias), Open e participação das Ademi’s, e patrocínio da Caixa, acontece do dia 21 até o dia 28 de novembro. São mais de 190 construtoras e incorporadoras com aproximadamente mil ofertas em todo país. 

O aquecimento surpreendente do setor constata que as pessoas estão procurando investir cada vez mais na moradia. Entre os fatores apontados para o boom no mercado estão a redução nas taxas do financiamento, os juros abaixo do nível histórico, além dos pacotes de estímulos do governo federal ao setor.  

No Amazonas, mais de 130 empresas que atuam no mercado imobiliário confirmaram a participação. Surfando na onda, a Capital Construtora que garantiu a participação  no evento diz estar otimista, uma vez que o feirão está alinhado com as novas tendências de mercado, onde os consumidores estão cada vez mais conectados, buscando por ofertas (inclusive de imóveis) através das plataformas digitais.  

“Nossa expectativa é de alcançarmos um número elevado de VSO (velocidade sobre a oferta), na ordem de 15% (quinze por cento) a 20% (vinte por cento), uma vez que estamos ofertando no evento o lançamento de um empreendimento com vários itens exclusivos, como por exemplo: espaço Car Wash (lava jato), Prime Chefs (salão gourmet com assinatura de uma renomada chef de cozinha), Prime Stop (espaço exclusivo para o morador receber motoristas por aplicativo e táxis), dentre outros diferenciais que podem ser conferidos na página da Construtora Capital durante o feirão”, detalhou o Gerente Comercial da empresa – Greyk Abreu.

Gerente Comercial da empresa – Greyk Abreu (Capital Construtora)

São aproximadamente 300 unidades disponíveis pela construtora, enquadradas no Programa Casa Verde Amarela e Sbpe (Sistema Brasileiro de Poupanças e Empréstimos)

Greyk Abreu explica que que o cliente que sinalizar interesse pelas ofertas serão contatos pelos profissionais especializados em vendas pela internet, que fazem parte da da equipe de vendas própria. Após o contato todo o processo de compra pode ser feita de forma online, onde o cliente  envia a documentação pelos meios digitais (whatsapp ou e-mail) para a avaliação do crédito junto a Caixa Econômica Federal. Isso pode ser feito em menos de 24 horas. Com o crédito aprovado o cliente escolhe o imóvel e o contrato de compra e venda é enviado para ser assinado eletronicamente, via e-mail. 

Ele garante que o cliente pode esperar um atendimento ágil e de qualidade, com uma oferta de imóveis de alta qualidade e condições de pagamento acessíveis.

“Muito embora a confiança em transações online tenha crescido muito no Amazonas, o consumidor amazonense ainda tem a preferência de “degustar” o “produto” pessoalmente antes de confirmar sua aquisição. E nesses casos ele pode agendar sua visita em nossas plataformas digitais e conhecer os apartamentos modelos e a partir daí ele pode optar por seguir com o processo digitalmente, sem sair de casa, dando mais celeridade ao processo e com muito mais segurança para sua família”. 

A Lauschner Negócios Imobiliários também vai marcar presença na feira virtual. A proprietária da empresa, Grauben  Lauschner, diz que a expectativa é  das melhores visto que as vendas cresceram em abril e maio que foi o pior período da pandemia em Manaus.   

“O público se adaptou rapidamente a compra on Line com atendimento do corretor via videoconferência, visita aos imóveis através de tour virtual, análise via WhatsApp, assinatura de compra e venda por meio digital”, diz Grauben ao destacar que os incorporadores farão um esforço extra devido ao fechamento anual de vendas, aproveitando essa oportunidade para alavancar os números do segundo semestre e consequentemente os do ano de 2020. “Com certeza o público será surpreendido com vantagens exclusivas e facilidades das mais variadas”. 

As empresas cadastradas terão os empreendimentos imobiliários a venda direto no site, com as análises direcionadas para os correspondentes Caixa de forma digital.

Confiantes

O  vice-presidente da Ademi-AM ( Associação das Empresas do Mercado Imobiliário no Estado do Amazonas), está animado considerando que as pessoas estão apostando no distanciamento social e terão como simular com a Caixa ou em qualquer outro banco.Além disso, terão acesso ao tour virtual para conhecer o imóvel. Com a possibilidade de entrar nos sites de cada empresa dando oportunidade de comprar mais fácil sempre com um profissional de vendas atendendo e dando toda assistência. “Após a pandemia, haverão os feirões presenciais, mas eu acredito que esses feirões online devam acontecer todos os meses. Oportunidade para as pessoas colocarem seus produtos para comercialização mensalmente. Essa é uma experiência nova que está sendo muito bem organizada. Nós estamos com muita esperança de que dê tudo certo”.

Ele lembra que a Feira Online, que será realizada pela plataforma que estará disponível no período da feira www.feiradeimóveisonline.com.br.  Já são mais de 150 cidades já confirmadas, incluindo Manaus; e a expectativa de 5 mil acessos por hora. A programação vai contar com apresentações de artistas nacionais em lives e para quem adquirir um imóvel na feira participará do sorteio de um carro 0 km.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email