29 de junho de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Manaustur inaugura box de informação turística no dia 13

A chegada da Manaustur deve fortalecer a intenção de ser a opção daqueles que estão hospedados nos hotéis ou pousadas do Centro e que não querem sair da cidade sem ter contato com produtos típicos da cidade

Com a intenção de fortalecer ainda mais o turismo entre os frequentadores da Feira de Artesanato da Eduardo Ribeiro aos domingos, no próximo dia 13, a partir das 8 horas, a Manaustur vai inaugurar um box de informação turística no local considerado um dos mais procurados por moradores e visitantes da cidade.
A feira completa oito anos e recebe em média cerca de 2 a 3 mil pessoas a cada e­dição, chegando em períodos como maio e dezembro a 10 mil frequentadores. Para os expositores, a participação do órgão oficial de turismo do município garante melhor suporte como vitrine aos turistas e habitantes de Manaus.
Os apelos da feira são a culinária regional, movelaria, indumentária cabocla e plantas ornamentais, além da literatura amazonense, danças e outras manifestações culturais, que dão o tom às manhãs de domingo, dados que a tornam conforme seu presidente, o artesão Jorge Mendes, “um espaço autenticamente manauense”,
Na avaliação de Mendes, a chegada da Manaustur vai fortalecer a intenção de ser a opção daqueles que estão hospedados nos hotéis ou pousadas do Centro e que não querem sair da cidade sem ter contato com produtos típicos da cidade.
Jorge Mendes informa, ainda, que entre os dias 14 e 17 de julho os 62 titulares de barracas de café e comidas típicas estarão passando por cursos de qualificação e capacitação de acordo com as normas do Programa Alimento Seguro, do Ministério do Turismo, em ação desenvolvida pela Manaustur que contará com a participação de nutricionistas contratados pelo Sebrae/AM.
Depois dos titulares seus auxiliares serão os próximos a se capacitarem. No total, perto de 360 pessoas serão preparadas pelo PAS, o que deve aumentar a confiabilidade quanto aos produtos oferecidos aos frequentadores da Praça de Alimentação da feira.

Presença do órgão no evento é necessária, avalia presidente

Para a presidente da Manaustur, professora Arminda Mendonça, a presença da Manaustur aos domingos na Eduardo Ribeiro é válida e necessária já que sendo um dos recursos da atividade turística no Centro nos fins de semana, a feira reconhecidamente deixou de ser apenas um atrativo doméstico para ser uma referência de Manaus aos visitantes.
“Os turistas em viagens curtas, por exemplo, hospedados no Centro, encontram na feira da Afapa uma variedade de temas como história, cultura e atividades econômico-sociais relacionadas com o modo de ser do manauense”, destacou Arminda acrescentando que a localização da feira é muito favorável para esse tipo de turismo, o turismo de city break, modalidade em franca expansão no mercado turístico.
O box de informação da Manaustur apresentará materiais de divulgação, souvenires, camisetas e artesanato confeccionados a partir de garrafas pets, criados por Paula Andrade, técnica do órgão que vai coordenar o Bit/Manaustur com a perspectiva de maximizar esta alternativa turística oferecida pela capital amazonense.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email