Manaus recebe amanhã seminário sobre comércio eletrônico

A camara-e.net (Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico) realiza nesta quinta-feira, em Manaus, mais um Ciclo de Seminários – Comércio Eletrônico para Micro e Pequenas Empresas. O evento, que trabalha a inserção das micro e pequenas empresas no e-commerce, é gratuito e tem o apoio do Sebrae (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), Correios e governo federal.
Os painéis serão apresentados das 9h às 18h no auditório Dr. Eurípedes Ferreira Lins, sede do Sebrae/AM, situado na rua Leonardo Malcher, 924, Centro. Dentre os conferencistas convidados para falar sobre como os empresários de micro e pequenas empresas podem explorar a economia digital e enxergar as oportunidades do e-commerce, estão representantes dos Correios, Terra, UOL, Banco do Brasil, Clearsale, Intel, Google, Verisign e Sebrae. As inscrições podem ser feitas por meio do site www.ciclo-mpe.net e o número de vagas é limitado.
De acordo com a camara-e.net, nos últimos cinco anos, o faturamento do comércio feito pela internet cresceu em média 30% ao ano. As classes C e D foram as principais responsáveis por esse aumento, mostrando que a busca pelos serviços por meio da rede está ficando mais popular. Os dados mostram uma mudança na realidade brasileira no que diz respeito à inclusão digital e a uma maior segurança na rede.
As pessoas estão deixando de ter medo de comprar pela internet. Para o consultor da camara-e.net, Edilson Flausino, outro fator responsável pelo aumento do comércio virtual é a facilidade na hora de pesquisar preços.
“Mais de 25% dos internautas costumam comparar custos antes de comprar e sentem que o dinheiro é mais valorizado ao efetuar a compra depois dessa pesquisa”, afirmou ele.
Existem cerca de 60 mil lojas online no Brasil hoje. Para 2009, a estimativa é de crescimento. Segundo a camara-e.net, o faturamento do comércio eletrônico este ano deve subir de 20% a 25% em relação a 2008. Serão vendidos R$ 10 bilhões em bens de consumo pela internet, excluindo leilões virtuais, carros e passagens aéreas.

Oportunidade para os amazonenses

Para o superintendente do Sebrae/AM, Nelson Rocha, a parceria do Sebrae, Correios e Câmara-e.net é de grande importância para o desenvolvimento das micro e pequenas empresas no Amazonas.
“É um mercado em potencial e as micro e pequenas empresas não podem perder essa oportunidade. O comércio pela internet é uma tendência irreversível. Nenhum empresário discute mais se deve ou não entrar, mas sim como deve entrar”, destacou ele.
Segundo o diretor regional dos Correios, Ageu Cavalcanti, o ciclo em Manaus será uma chance para os empresários amazonenses conhecerem as novidades relacionadas ao empreendedorismo online, como o webmarketing, logística, exportação, meios de pagamentos eletrônicos e análise de riscos, dentre outros.
“A atualização é um diferencial de mercado. As micro e pequenas empresas precisam acompanhar as mudanças provocadas pela economia globalizada se quiserem conquistar mercado”, concluiu o diretor.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email