Mailson aposta em corte de 0,25 ponto percentual

O ex-ministro e sócio da Consultoria Tendências, Maílson da Nóbrega, disse que o Copom (Comitê de Política Monetária) deverá cortar em 0,25 ponto percentual a taxa básica de juros, a Selic. A aposta é a mesma de grande parte dos analistas de mercado.
Na última reunião do Banco Central, no mês passado, o Copom reduziu a taxa de juros de 12% para 11,5% ao ano, um corte de 0,5 ponto percentual, assim como na decisão anterior. O próximo encontro do Comitê será na próxima semana, nos dias 4 e 5 de setembro. Durante o seminário “Preços e Eficiência no Mercado de Energia Elétrica”, Nóbrega disse ainda que o Brasil sairá fortalecido da crise que atinge bolsas em todo o mundo. “O Brasil será mais bem avaliado ao fim dessa crise. O país passou por um teste e saiu forte, as instituições funcionaram”, declarou.
Mesmo com a crise, o ex-ministro disse que o Brasil caminha para uma revolução no sistema de crédito e que, ao invés de faltar recursos, haverá um momento em que faltarão tomadores de empréstimo.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email