Lucro líquido da Brookfield cresce 126,3%

A Brookfield Incorporações, atual denominação da Brascan Residential Properties, uma das maiores incorporadoras integradas do Brasil, obteve lucro líquido de R$ 80,1 milhões no segundo trimestre de 2009, crescimento de 126,3% em relação ao mesmo período do ano passado. No primeiro semestre do ano, o lucro líquido da companhia somou R$ 95,3 milhões, avanço de 20,1% ante os seis primeiros meses de 2008.
“Esse crescimento foi influenciado pelo aumento no volume de vendas e pela comercialização a um único grupo de investidores do projeto comercial Green Valley Office Park, em São Paulo, além da venda de uma das três torres do empreendimento de escritórios Triple A Parque Cidade, em Brasília”, afirmou o diretor presidente Nicholas Reade.
A receita líquida da companhia somou R$ 531,7 milhões entre abril e junho de 2009, valor 75,4% acima do apurado no segundo trimestre do ano passado. No acumulado do primeiro semestre, a recita líquida atingiu R$ 787,9 milhões, volume 48,2% maior ante o mesmo período de 2008.
O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) totalizou R$ 127,3 milhões no segundo trimestre, avanço de 84% na comparação com o valor registrado no mesmo período de 2008. A margem Ebitda de 23,9% no período representa um crescimento de 1,1 ponto percentual em relação à margem do segundo trimestre do ano passado.
“Os números positivos do segundo trimestre comprovam o bom posicionamento da Brookfield Incorporações e seu potencial para liderança no setor. Até o final de julho, já atingimos os números de todo o ano de 2008 e, mesmo com o cenário de crise, lançamos 2% a mais no primeiro semestre, enquanto as vendas subiram 56% nos seis primeiros meses do ano. Com isso, ganhamos mais espaço no mercado”, acrescentou Reade.

Resultados operacionais

As vendas contratadas da Brookfield Incorporações totalizaram R$ 568,5 milhões no segundo trimestre, valor 77,4% superior na comparação com o mesmo período de 2008. As vendas contratadas no segmento de escritórios, por sua vez, avançaram 566,9% em relação ao segundo trimestre do ano passado e somaram R$ 181,4 milhões. No segmento residencial, as vendas subiram 32% para R$ 387,1 milhões no segundo trimestre de 2009.
“No primeiro semestre, as vendas contratadas atingiram R$ 875 milhões, o que corresponde a mais de 76,3% do total vendido durante todo o ano de 2008”, ressaltou o diretor executivo de relações institucionais e com investidores da companhia, Luiz Rogelio Tolosa.
O segmento residencial foi responsável por 68,1% e 76,4% do total comercializado no segundo trimestre e no primeiro semestre do ano, respectivamente. Os Estados de São Paulo e Rio de Janeiro e a região Centro-Oeste foram responsáveis respectivamente por 43,7%, 17,3% e 39% das vendas contratadas da Brookfield no segundo trimestre.
Entre abril e junho, os lançamentos alcançaram R$ 590,5 milhões e foram realizados no Distrito Federal e nos Estados de Mato Grosso do Sul, Goiás, São Paulo, Rio de Janeiro e Ceará. Já nos seis primeiros meses do ano, os lançamentos somaram R$ 857,6 milhões. O segmento residencial respondeu por 60% dos lançamentos no segundo trimestre, sendo 89% voltados aos segmentos econômico e médio, com valor do imóvel abaixo de R$ 500 mil.
O diretor de RI da Brookfield Incorporações destacou ainda que, até o final do ano, os lançamentos devem totalizar de R$ 2,5 a R$ 3,1 bilhões. A empresa encerrou o segundo trimestre de 2009 com um estoque de R$ 1,8 bilhão em produtos residenciais e de R$ 1,5 bilhão no segmento de escritórios. Já o banco de terrenos da companhia, até 30 de junho, somava um VGV (Valor Geral de Vendas) de R$ 14,4 bilhões, uma redução de 15,5% ante o número pro forma do segundo trimestre de 2008.
Seguindo sua estratégia de diversificação para o público das classes médias e econômica, a Brookfield expandiu o banco de terrenos voltado a esses segmentos para 81,3% do total.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email