Lojistas e administração discutem mudanças

https://www.jcam.com.br/ppart28012010.jpg
O Manaus Shopping São José, localizado na alameda Cosme Ferreira, na zona leste, vem aos poucos se estruturando após ser adquirido pelo Uai Shopping, centro de compras de Minas Gerais (Belo Horizonte) controlado pelo grupo italiano Doimo

O Manaus Shopping São José, localizado na alameda Cosme Ferreira, na zona leste, vem aos poucos se estruturando após ser adquirido pelo Uai Shopping, centro de compras de Minas Gerais (Belo Horizonte) controlado pelo grupo italiano Doimo. Na semana passada, um grupo de lojistas do complexo entregou um documento com propostas de mudanças e sugestões de melhorias tanto na infraestrutura quanto em questões burocráticas e administrativas.
Um dos itens presentes no texto é uma proposta para ser realizado estudo para corrigir o valor do aluguel das lojas, a fim de torná-lo compatível com a área onde fica localizado o shopping, além da abolição por tempo indeterminado das taxas de administração. Um dos trechos do documento cita a importância de manter a estrutura do centro de compras em boas condições. “A manutenção do funcionamento do shopping São José em boas condições é hoje um problema social, pois são mais de 500 empregos diretos mantidos pelos diversos segmentos do mesmo”, destacou o texto.
Alguns lojistas, que preferiram não ser identificados, disseram que a nova direção está em processo de negociação de alguns termos e que discutir publicamente o assunto no momento pode atrapalhar o entendimento. Mas alguns problemas deixados pela administração anterior, como banheiros deteriorados e outras questões estruturais já foram resolvidos, de acordo com os lojistas. “Problemas mais urgentes receberam soluções paliativas”, disse um dos lojistas.
O Manaus Shopping São José informou através de sua assessoria de imprensa que o complexo possui diversos tipos de contratos com os lojistas, incluindo vencidos. Segundo o shopping, a nova administração está conversando separadamente com cada lojista para saber suas necessidades e anseios. Uma campanha que promoverá o novo shopping deve ser lançada em março próximo e, até lá, de acordo com a assessoria, a revitalização completa já poderá ser conferida. “Deteriorado” foi o termo utilizado pela assessora de imprensa para designar o estado do shopping antes de chegar às mãos dos atuais donos. Por essa razão revitalizar totalmente o local será um processo gradual.
A administração ressaltou que alguns passos da revitalização já foram dados, na medida do possível, como os novos banheiros, uma limpeza completa para retirada de entulhos e a reforma no edifício garagem, que recebia reclamações por alagar a cada chuva forte. As chuvas e o prazo dado pela empresa contratada foram fatores apontados pelo shopping como possível extensão do período de conclusão total das obras. Daqui a duas semanas, de acordo com a assessoria, os clientes já poderão conhecer a nova fachada do empreendimento.
Os proprietários das lojas já estão se mobilizando, ao convocar assembleia geral, para a fundação da Associação dos Lojistas do Manaus Shopping São José, a ser realizada no dia 3 de fevereiro de 2010. O shopping é um dos principais centros de compras da zona leste e conta com 49 lojas e 13 quiosques, além de bancos e um PAC (Pronto Atendimento ao Cidadão).

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email