Livre comércio com União Européia vai beneficiar o Mercosul

No trabalho de Alfredo Valladão, professor de Ciências Políticas do Mercosul do Instituto de Estudos Po-líticos de Paris, a conclusão é que a criação de uma zona de comércio livre “interessa muito aos países do Mercosul, sobretudo à sua indústria, que tem de apostar no aumento da produtividade e ser competitiva num mundo cada vez mais global”.

Apesar disso, o estudo avalia que as negociações entre o bloco não têm sido tratadas de maneira correta.
“O bloco de países do Mercosul tem defendido que a Europa cria barreiras às exportações agrícolas e agro-alimentares, enquanto a União Européia se queixa da situação inversa, ligada à indústria e aos serviços”.

A conferência que acontece nesta segunda-feira, em Lisboa, contará com a presença de 220 especialistas, entre empresários e lideranças de países da União Européia e do Mercosul, sobretudo de Brasil, Argentina e Uruguai.

O presidente do Fórum Empresarial Mercosul-União Européia, Luís Mira Amaral, disse que a indústria dos países do Mercosul só tem a ganhar em competitividade com a criação de uma zona de comércio livre com a União Européia. Mira Amaral, esta conclusão será a “grande novidade da 7ª Conferência Plenária do Fórum”.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email