10 de agosto de 2022
Prancheta 2@3x (1)

      O discurso de posse do Ministro Alexandre de Moraes como membro efetivo do Tribunal Superior Eleitoral  (TSE)  foi  repleto de dissimulações. Uma delas foi quando afirmou: “A Justiça Eleitoral não tolerará que milícias pessoais ou digitais desrespeitem a vontade soberana do povo e atentem contra a democracia do Brasil”.  Embora,  o Ministro tenha esquecido uma prática comum que ocorre tanto no STF como no TSE, ambas as instituições ignoram o povo brasileiro, bem como violam a Carta Magna e banalizam a democracia alterando sempre a verdade dos fatos.  O discurso de uma atuação serena e imparcial na condução do pleito é expectativa que é diferente da realidade. 

      O povo brasileiro cada vez mais instruído,  procura  conhecer bem as propostas e o caráter dos candidatos aos cargos eletivos. O brasileiro já não tolera a perseguição, o ato  “manu militari” e a adoção de medidas inconstitucionais – as que ocorrem de forma unilateral, as que impedem o acesso aos autos e as que desrespeitam o princípio do contraditório. Tais condutas beiram a leviandade.

   O Brasil tem um  Presidente entre os mais populares do planeta, mas, infelizmente, ele é massacrado por uma mídia abusiva e torpe –  que o persegue 24 horas, todos os dias.  Sua reeleição será uma consequência de seu trabalho sério, voltado para o crescimento de todos os segmentos produtivos. 

     As afirmações do Ministro Edson Fachin e do Ministro Lewandowski sobre a atuação do Presidente Jair Bolsonaro são conversas para boi dormir, desacreditadas pelo povo brasileiro – o Ministro Lewandowski é  velho conhecido desde o impeachment de  Dilma Rousseff, ocasião em que rasgou a Constituição Federal. O STF tem um triunvirato, que não  merece credibilidade por parte do povo, porém terá a última oportunidade para restabelecer a ordem e a moral – que se exige de todo e qualquer Tribunal – nas eleições deste ano.

O brasileiro não se  preocupa mais em saber se o vestido de Marilyn Monroe foi estragado por Kim Kardashian, muito menos se haverá a tradicional parada LGBT, na Avenida Paulista.   É certo, que  houve no evento, ocorrido domingo 19 de junho, um “momento de desabafo” e pedidos pela democracia. E a realidade foi  “o mais do mesmo”. Portanto, resta-nos refletir sobre o que sobrou de útil e benéfico, deste evento,  para o futuro dos jovens brasileiros – compreender o significado e sentido levará pais e educadores a um salto gigantesco para o desenvolvimento pessoal e social das futuras gerações de brasileiros. 

Culpar o Presidente Jair Bolsonaro por tudo que acontece de ruim no país é absurdo em escalas desproporcionais, contudo a mídia derrotada nas urnas atribui ao Presidente todas as atrocidades ocorridas nos estados brasileiros. 

O Brasil vem crescendo, enquanto os países comunistas estão afundados em crise econômica. Vejam o que ocorre na Argentina, onde a miséria cresce e os juros chegam a 52% ao ano. Recentemente,  aconteceu uma calúnia contra o Presidente Bolsonaro por parte da  CNN, visando desgastá-lo. Enquanto isso as contas do Governo Federal apresentam um superávit de R$79 bilhões ao ano. O Brasil é líder mundial em produção agrícola sustentável, além de contribuir para uma oferta cada vez maior de alimentos.

A Globo com sua conduta jornalista sem ética,  nunca foi dona da verdade, mas suas ações escancaradas são um ataque contra o sistema democrático vigente. O jornalismo dessa emissora usa e abusa da ética, porque está sempre a serviço de interesses escusos que fogem do dever de informar. Atentar contra a democracia é usar da leviandade comportamental, merecendo de todos os brasileiros o repúdio, a indignação e o desprezo.

Manaus/AM, 21 de Junho de 2022.

JOSÉ ALFREDO FERREIRA DE ANDRADE

Ex- Conselheiro Federal da OAB/AM nos Triênios 2001/2003 e 2007/2009 – OAB/AM A-29  

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email