4 de março de 2021

Lideranças empresariais vão discutir revisão do planejamento estratégico

O encontro, de dois dias (12 e 13 desta semana) na Escola de Enfermagem, em Manaus, encerra as consultas in loco aos Estados onde atua a instituição

Depois de percorrer as Capitais dos Estados de Roraima (Boa Vista), Acre (Rio Branco), Rondônia (Porto Velho) e do Amapá (Macapá), a Suframa (Superintendência da Zona Franca de Manaus) discute com instituições e governos do Amazonas a revisão do seu planejamento estratégico para o período de 2008 a 2011, com cenário prospectivo até 2025.

O encontro, de dois dias (12 e 13 desta semana) na Escola de Enfermagem, em Manaus, encerra as consultas in loco aos Estados onde atua a instituição. A meta é concluir o novo planejamento até abril de 2008.

O Projeto Arara, palavra formada pela inicial do nome dos Estados em que a superintendência financia projetos de desenvolvimento sustentável, é conduzido por especialistas contratados a partir de convênio da autarquia com a Ufam (Universidade Federal do Amazonas).

O grupo recebe o apoio de técnicos do planejamento e de estudos econômicos e empresariais da Suframa e tem como uma de suas missões levantar uma radiografia sobre as demandas da região para que a instituição atue com maior sinergia nos Estados.

Nas oficinas, explicou o superintendente-adjunto de Planejamento e Desenvolvimento Regional da Suframa, Elilde Mota de Menezes, serão coletadas impressões dos participantes sobre os desafios, oportunidades e cenários para a atuação futura da Suframa. “Nosso objetivo é revisar o planejamento estratégico de modo a fortalecer o modelo ZFM (Zona Franca de Manaus) em toda a sua área de abrangência, a Amazônia Ocidental mais Macapá e Santana, no Amapá”, destaca o dirigente.

Na próxima quarta-feira, dia 12, o evento abre às 9h, com a palestra “O projeto Arara e a revisão do planejamento estratégico da Suframa: status do projeto e próximos passos”. Ela será apresentada pelos coordenadores do projeto, os pesquisadores Eduardo Tadao Takahashi e Mauro Thury de Vieira Sá. Nesse dia, das 9h30 às 12h e das 14h às 18h serão realizadas oficinas onde governos e as instituições ligadas ao desenvolvimento do Estado debaterão o papel da Superintendência nesse processo.

Foram convidados para o seminário e oficinas do projeto Arara em Manaus o governo do Amazonas, através de suas secretarias, institutos, agências e companhias de desenvolvimento, a Prefeitura Municipal de Manaus, Associação Amazonense dos Municípios, Assembléia Legislativa do Estado, Câmara Municipal de Manaus, entidades representativas do setor produtivo (indústria, comércio, agricultura), Senai, Senac. Também foram convidadas instituições da área de educação, ciência e tecnologia e conselhos de classe.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email