Líder do governo critica Prefeitura pelo excesso de buracos nas ruas

O deputado Sinésio Campos (PT), criticou a Prefeitura de Manaus por causa dos buracos que se alastram nos bairros da periferia da cidade. “A cidade de Manaus parece um solo lunar. Não existem mais buracos e, sim, crateras”, disse ele.
O assunto polarizou as discussões no início dos trabalhos ontem, com apartes dos deputados Wilson Lisboa (PCdoB), Josué Neto (PSB) Wallace Souza (PP) e de Sabá Reis (PP).
Sinésio explicou que falava da situação relativa a um problema da cidade de Manaus devido as constantes reclamações recebidas de moradores “não suportando mais os prejuízos, não somente de pessoas que tiveram seus veículos caídos em buracos, mas de pessoas que estão com dificuldades de andar nas ruas”.
Segundo o deputado, moradores da comunidade Valparaiso, zona Leste, lhe pediram que se manifestasse apesar do assunto estar mais relacionado à Câmara Municipal.
“Mas, como a cidade de Manaus faz parte da Região Metropolitana é um tema que os deputados têm que se manifestar”, argumentou.
Na comunidade, de acordo com o deputado, os ônibus não estão mais circulando, porque as ruas não têm condições de tráfego, por conta de tantos buracos. Diante da situação Sinésio cobrou da Prefeitura de Manaus esclarecimentos sobre o que está faltando para a realização de operação tapa-buracos na cidade. “Falta seixo, asfalto, pessoal, boa vontade?”, questionou.
Segundo ele, parece que as ruas estão entregues a própria sorte.
“Nas próximas gestões, os prefeitos vão perder tempo para resolver a situação dos buracos”, assegurou, lembrando que as empresas e os motoristas estão tendo altíssimos prejuízos com estouro de pneus, aros, entre outros.
Sinésio, líder do governo, chegou a convocar o deputado Sabá Reis (PP), um dos defensores de Serafim Correa (prefeito) na Assembléia, e o deputado Josué Neto (PSB), líder do partido do prefeito, para que se manifestassem sobre o assunto.

Sabá diz que Serafim peca com secretariado

Para Sabá Reis, se Serafim Corrêa ouvisse seus conselhos, já teria afastado o secretário Paulo Farias, da Semosb. Disse que costumava conversar com o Serafim e avaliar que o gestor para que fosse considerado um bom prefeito, bastava manter a cidade com boa limpeza, iluminação e boa operação tapa-buraco.
O parlamentar explicou que falava isso, para mostrar, que na semana passada, fizeram uma avaliaçãoe constatou-se que ele peca com o pessoal. “Dizer que o secretário Paulo Faria é craque do time, só mesmo na avaliação de Marcos Barros”, disse o deputado, referindo-se às críticas em relação aos buracos na cidade.Assegurou ainda que Serafim também errou ao colocar o Porfírio Lemos na Semosb.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email