Jovem iniciante no mercado de trabalho representa 40% no quadro do Giraffas

A quarta maior rede de refeições rápidas do Brasil, o Giraffas tem priorizado o recrutamento de jovens que estão em busca do primeiro emprego e, atualmente, aproximadamente 40% dos funcionários das lojas em todo o Brasil –são 230 unidades em 14 Estados e Distrito Federal– têm entre 18 e 27 anos e foram contratados sem experiência profissional.
“Ao oferecer oportunidade para esta parte da população, o Giraffas contribui para a redução da taxa de desemprego de jovens e, consequentemente, ajuda a melhorar a qualidade de vida de centenas de famílias brasileiras”, afirmou o diretor-executivo da rede Giraffas, Cláudio Miccieli.
A rede fechou o ano passado com 210 lojas, 25 milhões de refeições vendidas e cerca de 4.200 empregos gerados em todo o país. Este último número aumenta em 20 –média de funcionários em uma unidade– a cada nova loja inaugurada. Os cargos são tanto para vagas operacionais, como para gerência e sub-gerência.
A meta em 2007 é faturar R$ 283 milhões e totalizar 263 lojas. Os empregos gerados, em especial entre a população jovem, seguirá o mesmo ritmo. A expectativa é chegar a 5.130 colaboradores até o fim do ano. Para os postos operacionais (auxiliares de cozinha, caixas, chapeiros e atendentes), pede-se que os candidatos tenham boa fluência verbal, dinamismo e ensino fundamental completo. Para os restantes, exige-se um pouco de experiência –um ano na função, no varejo ou entretenimento–, ensino médio completo, organização, conhecimento em informática e habilidade em liderar equipes.
Após aprovado na entrevista em loja com o gerente, o novo empregado é encaminhado a uma unidade do Ceth (Centro de Treinamento Humano) para participar do treinamento inicial padrão, ou de ambientação. O conteúdo programático é direcionado para os temas Cardápio, Atendimento ao Cliente, Noções de Boas Práticas de Fabricação e Trabalho em Equipe.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email