Japão anuncia o fim do período mais longo de crescimento desde 1945

O governo japonês anunciou na quinta-feira o fim do período mais longo de expansão econômica que o país conheceu desde à 2ª Guerra Mundial, considerando ainda a possibilidade de uma possível recessão.
Pela primeira vez desde fevereiro de 2002, o governo evitou mencionar a palavra “retomada” em seu relatório anual sobre o estado da segunda economia mundial, considerando, ao contrário, que “a economia do país enfraqueceu recentemente”. Tal postura constitui o reconhecimento implícito, pelo governo, que esse é o mais longo período de expansão de crescimento que o Japão conheceu desde o fim da 2ª Guerra Mundial e que terminou após 78 meses de crescimento econômico.
“Em outros termos, é possível que a economia japonesa já esteja em vikas de uma recessão”, explicou um responsável do governo sob anonimato citado pelo Dow Jones Newswires.
“A economia japonesa está entrando num período em que não podemos obrigatoriamente continuar otimistas”, declarou o ministro da política econômica e orçamentária, Kaoru Yosano, em entrevista à imprensa.
O Japão vem enfrentando um desaquecimento da demanda nos EUA, principal cliente de suas exportações. O arquipélago, totalmente desprovido de recursos naturais, está sendo atingido em cheio pela disparada atual dos preços de petróleo e de outras matérias-primas.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email