Janeiro é tempo de investir em curso de férias

Cursos de férias podem ser uma boa chance para melhorar o seu currículo e conquistar espaço no mercado de trabalho. Em janeiro, várias instituições de ensino oferecem intensivos nas mais variadas áreas, entre eles, informática, idiomas, empreendedorismo.
Para a presidente da ABRH-AM (Associação Brasileira de Recursos Humanos), Elaine Jinkings, os cursos de férias são um bom investimento para qualquer carreira. “As férias são o melhor período para absorver conhecimento, pois é quando o profissional está mais descansado e longe do estresse da rotina, isso contribui para que ele volte ao seu ambiente de trabalho renovado”, disse.
A presidente destaca que é sempre importante buscar a educação continuada, através de cursos de rápida duração, para manter o profissional sempre atualizado. “Muitas vezes não temos durante o ano aquele dinheiro ou tempo para fazer determinados cursos, e as férias são uma boa oportunidade para isso”, destaca Jinkings.
Isso é o que pretende fazer a funcionária pública, Marília Oliveira, que apesar de não estar de férias, vai buscar no mês de janeiro se aperfeiçoar nos cursos de informática. “Como são cursos rápidos não fica tão pesado trabalhar e estudar ao mesmo tempo”, comenta a profissional, que considera um dos benefícios em fazer esse tipo de capacitação é que geralmente os conteúdos são todos voltados para a prática. “Então não tem como não aprender, é tudo bem objetivo e você já sai sabendo como aplicar”, conclui.

Cursos de informática

Entre as opções de cursos de férias está as do Senac-AM (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial do Amazonas) na área de informática. As inscrições estão abertas e podem ser realizadas nas unidades do Senac da Chapada, zona centro-sul, localizado na avenida Darcy Vargas, 288, ou o da Cidade Nova, zona norte, na rua Visconde de Itanhaem, 863.
Na unidade da Chapada, os interessados encontram os cursos de Recursos avançados de Word e Excel, com carga horária de 40 horas, voltados para usuários com conhecimentos básicos em Word e Excel e investimento de R$ 160 e Aplicativos Básicos de Informática, com carga horária de 60 horas, voltado para pessoas com escolaridade a partir do 7º ano, com idade a partir de 12 anos e investimento de R$ 190. Este último também está sendo oferecido na unidade Senac Cidade Nova.
Também estão sendo ofertados os cursos de Manutenção de Microcomputador, com carga horária de 50 horas e investimento de R$ 170; Montagem de Redes de Computadores, com carga horária de 40 horas e investimento de R$200; AutoCAD 2D, com carga horária de 50 horas e investimento de R$400; Corel Draw e Photoshop, com carga horária de 50 horas e investimento de R$200 e o curso de Illustrator e Indesign, com carga horária de 50 horas e investimento de R$ 200.

Novo Idioma

Aprender um novo idioma nessas férias também ajuda a dar um ‘upgrade’ no currículo. O Centro de Ensino Fisk está com matrículas abertas para o curso de Conversação dos níveis Básico ao Avançado. Segundo a professora de inglês, Samya Pereira, ele é ideal para quem busca conhecer mais sobre a língua e testar os seus conhecimentos.
O módulo será realizado até o dia 30 de janeiro, com a taxa de matrícula no valor de R$ 120 reais, com o material didático já incluso. As aulas serão ministradas às segundas e quartas-feiras no período da tarde ou da noite, com uma hora de duração.

Atualização empresarial

E há ainda a capacitação na área empresarial.Somente o Sebrae-AM (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Amazonas) vai realizar este mês cerca de sete cursos, entre eles, Atendimento ao Cliente, Análise de Mercado, Desenvolvimento de Equipes e Aprender a Empreender. “Temos cursos informativos direcionados à realidade de cada empresário, desde aquele que está iniciando até aquele que busca inovar na gestão da empresa”, destacou Miza Arruda, sub-gerente de capacitação empresarial.
Um dos destaques da programação da instituição é o curso Empretec, que acontece do dia 23 ao 27, e tem como objetivo estimular e desenvolver as características individuais do empreendedor, de forma a propiciar sua competitividade e permanência no mercado. O público-alvo são empresários e candidatos a empresários com experiência na gestão de negócios.
Ela ressalta que é essencial o empresário buscar essa educação continuada para se manter no mercado. “Caso contrário, quem estará se capacitando é o seu concorrente. Se ele quiser se manter no segmento em que atua, a capacitação será o seu diferencial”, frisou a sub-gerente. Os cursos do Sebrae custam de R$50 a R$420 e com carga horária que variam de 15 horas a 60 horas.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email