Investimento estrangeiro ultrapassa os US$ 3 bilhões no mês de julho

E m julho, eles totalizaram US$ 3,584 bilhões, contra US$ 1,586 bilhão apresentado no mesmo mês do ano passado. No ano, os investimentos estrangeiros acumulam saldo superior ao registrado durante todo o ano passado. Entre janeiro e julho, os ingressos somam US$ 24,448 bilhões, um aumento de 172,5% em relação ao mesmo período de 2006 (US$ 8,971 bilhões). Em 2006, elas somaram US$ 18,782 bilhões e a previsão para este ano é de US$ 25 bilhões. A maior parte dos recursos desses investimentos no ano (US$ 18,202 bilhões no ano) refere-se à participação no capital de empresas.
Esses investimentos são importantes para sustentar e ampliar o crescimento da economia, já que ajudam as empresas a oferecerem uma maior quantidade de bens e serviços.
Já o investimento de empresas brasileiras no exterior ficou em julho em US$ 179 milhões e no ano totalizou US$ 3,640 bilhões. O saldo está positivo devido a entrada de recursos referente a empréstimos intercompanhias -US$ 9,396 bilhões no ano.

Saldo negativo

O Brasil apresentou saldo negativo de US$ 717 milhões na conta de transações correntes em julho. No mesmo mês do ano passado, o saldo havia ficado positivo em US$ 3,055 bilhões. Essa conta representa as principais operações financeiras do país com o exterior -balança comercial, a conta de serviços e rendas e as transferências unilaterais.
O saldo negativo em julho deste ano foi influenciado pelo elevação em serviços e rendas, aos US$ 4,456 bilhões. Nessa conta entram o resultado das remessas de lucros enviados ao exterior e os gastos com viagens internacionais.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email