17 de agosto de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Investimento do FI-FGTS é destinado à expansão da malha ferroviária

O FI-FGTS (Fundo de Investimento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), administrado pela Caixa Econômica Federal, acaba de realizar seu primeiro investimento.

O FI-FGTS (Fundo de Investimento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), administrado pela Caixa Econômica Federal, acaba de realizar seu primeiro investimento. Será uma operação com desembolso no valor de R$ 500 milhões visando expansão da malha ferroviária.
Considerado um setor estratégico para a matriz de transportes brasileira, o investimento do FI-FGTS contribui com a revitalização do modal ferroviário do país. Os recursos irão proporcionar o aumento da eficiência operacional, redução de acidentes e aquisição de novos vagões e locomotivas para suporte ao aumento do volume transportado de carga.
Estima-se que somente este investimento do FI-FGTS deverá gerar cerca de 15 mil empregos diretos e indiretos. Atualmente, o Brasil possui o maior sistema ferroviário da América Latina em termos de carga transportada.

Projetos e investimentos

O FI-FGTS recebeu cerca de 40 projetos, tendo sido pré-aprovados 12 investimentos. Os projetos pré-aprovados possuem estimativa de geração de 30 mil empregos diretos e 54 mil empregos indiretos. O retorno sócioambiental que será gerado pelos empreendimentos e a governança corporativa existente nas empresas têm papel fundamental no processo de análise pela Caixa. O volume da carteira teórica do Fundo já superou a marca dos R$ 5,2 bilhões e o montante de recursos a ser investido poderá chegar a, aproximadamente, R$ 17 bilhões.
O FI-FGTS atua como catalisador de outros financiadores e empreendedores para projetos, aumentado o volume total de recursos disponíveis e alavancando sua própria capacidade de investimento.
Seu principal foco é a sustentabilidade do crescimento econômico – alocação direta de recursos em projetos de setores críticos.
Visando à transparência e a segurança dos investimentos do Fundo, a Caixa adota política de gestão de recursos específica, com tomada de decisão por meio de comitês, com participação do governo, mercado e da própria sociedade.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email