Interesse dos jovens em ter CNH cai 10,5% em seis anos

Até então, o sonho dos jovens ao completar 18 anos era tirar a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e conquistar a sua liberdade com o seu primeiro carro. No entanto, este comportamento vem mudando nos últimos anos. 

Só para exemplificar, um levantamento feito pelo Detran-SP revela que entre pessoas com 18 e 30 anos, houve uma redução de 4.872 milhões em 2015 para 4.356 milhões no mesmo período deste ano no Estado de São Paulo, uma queda de 10,5%.

“Fatores culturais e econômicos influenciam o perfil dos motoristas com o passar dos anos. Hoje temos uma geração que se preocupa mais com a questão ambiental e a facilidade oferecida pelos aplicativos de transporte. Os jovens hoje têm outras expectativas. Essa discussão sobre mudanças dos modais é mundial”, ressalta Neto Mascellani, diretor-presidente do Detran-SP.

De acordo com especialistas, fatores culturais, econômicos e sociais explicariam esse declínio do interesse dos jovens por possuírem sua habilitação e a optarem muitas vezes pelo uso de aplicativos, do transporte coletivo, ou mesmo de outros veículos, como a bicicleta.

A professora Carolina Cheres, de 27 anos, mora na Grande São Paulo e não é habilitada. Ela prefere se locomover por aplicativos, táxi, ônibus e metrô. “Não me preocupo com IPVA, gasolina, multas, pedágios, problemas mecânicos, estacionamento ou brigas de trânsito. Sem falar que ainda contribuo com a redução de gases poluentes ”, esclarece ela.

Great Wall Cannon é outra picape média que pode chegar ao Brasil

Ela é maior que a Great Wall Poer – Foto: Divulgação

Ela é maior que a Great Wall Poer, mas ainda não chega a ser uma picape grande, como as americanas Ford F-150, Chevrolet Silverado, GMC Sierra e RAM 1500, por exemplo. A Great Wall Cannon é outra picape da marca chinesa com potencial de vendas por aqui.

Com um visual mais aventureiro que a Poer, já vendida em mercados vizinhos, a Great Wall Cannon mede 5,496 m de comprimento, 1,960 m de largura e 3,350 m de entre-eixos.

Isso a coloca acima das picapes médias vendidas no mercado nacional, pelo menos em tamanho. A caçamba tem 1.094 litros, o que é muito bom para um modelo de cabine dupla.

Será que cola no Brasil? Como já vimos, a Poer tem uma versão de trabalho e outra mais luxuosa, com muitos cromados. Nesse caso, a Cannon seria uma proposta diferenciada, com público mais jovem com seu perfil esportivo.

Mas, nos dois casos, a Great Wall fará um bem enorme ao mercado se fechar uma parceria com Cummins (Guarulhos) ou MWM (São Paulo) para fornecimento de um motor diesel mais potente e eficiente que o atual 1.9 de 150 cavalos.

Fiat Pulse é flagrado em versão intermediária

Fiat Pulse está em contagem regressiva para sua estreia – Foto: Divulgação

O Fiat Pulse está em contagem regressiva para sua estreia no mercado nascido em setembro. Com duplo ataque da Stellantis no próximo mês (Novo C3 chegando também), o mercado aguarda com expectativa.

Enquanto isso, o Pulse continua seus testes seminus com mais um flagrante feito do novo SUV compacto da marca italiana, agora em sua versão intermediária.

Como se pode ver nas imagens do @bfmsoficial via @fiatpulsebr, o modelo mostra que os faróis full LED não se limitarão apenas à versão topo de linha, embora se saiba que haverá um conjunto ótico mais simples.

Isso também reforça a ideia de que a Fiat adicionará uma gama de versões bem extensa de modo a esticar bem os preços, visto que não tem outro produto (no momento) dentro do mesmo segmento, o que ocorrerá apenas em meados de 2022.

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email