Intenção de consumo das famílias cresce 2%

Após uma queda de 5,2% em março, o ICF, índice que mede a intenção de consumo das famílias paulistas, registrou aumento de 2% em abril e chega aos 145,3 pontos. Na comparação com o mesmo mês do ano passado, o ICF cresceu 7,2%.
O índice, medido pela Fecomercio-SP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo), varia de 0 a 100 pontos, em que resultados acima de 100 pontos indicam otimismo.
Em abril, a perspectiva de consumo das famílias paulistas subiu 10,6% na comparação com março e o nível de consumo atual cresceu 9,8% no mesmo período. Em relação ao mesmo mês do ano anterior, ambos apresentaram variações positivas de 13,4% e 9,8%, respectivamente.
O índice que mede a satisfação em relação ao acesso ao crédito subiu 2,6% e chegou aos 161,6 pontos. De acordo com a Fecomercio-SP, o ânimo dos consumidores se deve pela soma de uma série de fatores, como a redução de juros dos bancos e a queda para 9% da Selic, taxa básica de juros. Essas “medidas significam o barateamento do dinheiro e beneficiam o consumo”.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email