Intenção da maioria é pagar até R$ 50 por presente

Dentre as pessoas pesquisadas que irão comprar presentes para as crianças, 69,1% estão dispostas a pagar até R$50,00 pelo presente e apenas 7,2 pagarão o dobro deste valor. O tipo de presente preferido para as crianças são os brinquedos, em destaque para as bonecas e carros. 10% preferem presentear com roupas e 7% com bicicletas.
Esse foi o resultado da pesquisa Intenção de Compra e Confiança do Consumidor da Cidade de Manaus feita pelo Ifpeam (Instituto Fecomercio de Pesquisas Empresariais do Amazonas) em agosto, que tem por objetivo identificar o sentimento dos consumidores, levando em consideração suas condições econômicas atuais e suas expectativas quanto à sua situação econômica futura a serem realizadas no mês de setembro.

Segundo a Fecomercio, as informações obtidas podem ser particularmente importantes para o comércio varejista, pois servem como  balizador para decisões de investimentos e planejamento de compra.

A pesquisa foi realizada por zonas e seus respectivos bairros em Manaus junto a 400 consumidores. A amostra foi aleatória, o que permite que todos os consumidores tenham as mesmas probabilidades, diferente de zero de participar da amostra.

O levantamento estatístico do instituto tem por objetivo identificar o sentimento dos consumidores, levando em consideração suas condições econômicas atuais e suas expectativas quanto à sua situação econômica futura a serem realizadas no mês de setembro.

As informações obtidas podem ser particularmente importantes para o comércio varejista, pois servem como balizador para decisões de investimentos e planejamento de compra.

Segundo a entidade, a pesquisa foi realizada por zonas e seus respectivos bairros em Manaus junto a 400 consumidores. A amostra foi aleatória, o que permite que todos os consumidores tenham as mesmas probabilidades, diferente de zero de participar da amostra.

Na pesquisa realizada pelo instituto em setembro/07, a maior concentração de renda está entre aqueles que recebem de R$761,00 a R$1.140,00, 40% do sexo feminino e 34% do sexo masculino.

A pesquisa identificou a ocupação por sexo do entrevistado e observou que os assalariados com carteira assinada representam 35% do total de entrevistados, seguido pelos autônomos que representam 27% do total.

Projeções são otimistas

Apesar de ser uma análise realista, quando consideramos a situação presente, os consumidores de Manaus continuam otimistas quando solicitamos projeções. A expectativa do entrevistado em relação à situação econômica para os próximos seis meses é de que será um pouco melhor do que a atual, enquanto que 40% acham que ficará inalterada.
Mais da metade (52%) dos entrevistados pelo Fecomercio afirmaram que a situação financeira familiar atual, comparada há seis meses, está um pouco ou muito melhor .
O otimismo dos entrevistados aumenta quando solicitamos para que demonstrem a expectativa deles para os próximos seis meses sobre a situação financeira familiar. 85% acreditam que, daqui a seis meses, a situação financeira familiar estará um pouco ou muito melhor.

Quanto aos preços praticados no comércio, 71% dos consumidores entrevistados disseram acreditar que, no mês de outubro, estarão um pouco ou muito mais altos.

Pela proximidade do final do ano, o que é comum reformas e melhorias em imóveis, material de construção e utilidades domésticas crescem em relação à pesquisa de agosto/07.
No que diz respeito aos fatores motivacionais para a compra de produtos, os consumidores destacam os itens como: preços, variedade de lojas, variedade de produtos, promoção e localização com 50%, 46%, 43%, 39% e 11% nesta ordem.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email