Instituto da França aprova programa na Amazônia

Desenvolvido pelo Centro de Estudos Superiores do Trópico Úmido da UEA (Universidade do Estado do Amazonas), o Programa de Hidrologia Espacial da Amazônia foi aprovado pelo IRD (Instituto Francês de Pesquisas para o Desenvolvimento).

O programa tem como objetivo a criação de uma plataforma de observação regional da dinâmica da água em grandes bacias hidrográficas apoiadas em sistemas de gestão integrada e nas tecnologias de altimetria espacial.
Será estabelecida em Manaus uma equipe de pesquisa associada ao IRD para estudar e desenvolver técnicas direcionadas à hidrologia espacial, voltadas a aplicações tipicamente amazônicas.

A base da equipe do projeto se desenvolverá na UEA, sob a coordenação do professor Naziano Filizola.

Além de professores do Centro de Estudos Superiores do Trópico Úmido da UEA e do Curso de Meteorologia da Escola Superior de Tecnologia da UEA, a equipe brasileira também será constituída pelos professores Wanderli Tadei (Inpa) e Carlos Freitas (Ufam).

Visando suporte na definição de área piloto para os trabalhos de pesquisa e demais trabalhos de integração, também está prevista uma associação com o Projeto Piatam e o Ceap (Centro de Excelência Ambiental da Petrobras na Amazônia ).

Na França, a equipe brasileira estará trabalhando em cooperação com a equipe do Laboratoire dês mécanismes de transfert em géologie (LM TG); da Universidade Paul Sabatier, em Toulouse e com o grupo Expertise et spatialisation dês connaissances em environnement (Espace), unidade de serviço do IRD, localizado em Montpellier.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email