Inspiração que vem do isolamento

Mais um dia ‘preso’ dentro de casa ou do apartamento? Que tal curtir um pouco de música? Rock, tocado e cantado por mulheres, e mulheres daqui de Manaus, e a maioria das músicas autorais, compostas por elas mesmas. Essa é a sugestão para este final de semana: ouvir o som das meninas da banda Roxie.

“A banda Roxie surgiu há mais ou menos 15 anos, de uma dissolução da Volúpia. Os meninos formaram a Mezatrio e as meninas, a Roxie, uma feminilização da palavra rock”, explicou Dany Costa.

Desde então a banda tem se mantido coesa, com exceção da baterista Raquel, que precisou ir embora de Manaus, continuam Ly D’Araújo, a vocalista e produtora, Dany Costa, guitarrista; Rebeca Jatahy, guitarra e vocalista; Alice Catharina, baixo; e o parceiro Tiago Leão, baterista.

“Nosso estilo sempre foi o rock pop. Nunca mudamos. Costumamos brincar de ‘pegar’ um rock pesado e transformar em pop, ou ‘pegar’ um pop e transformar em rock”, explicou Dany.

Uma das características da Roxie é ser um projeto de vida para as meninas. Uma mistura de diversão e trabalho sério que já dura mais de uma década. Elas contam a vida da Roxie por momentos em que se juntam para cantar, tocar e compor, ou fazer shows esporádicos para seus fãs, pois todas têm carreiras à parte da banda.

“É mais uma paixão. Um vício. Muitos chamariam de hobby, mas, dá tanto trabalho reunir e manter a banda dentro da sua proposta incial, que é mais uma missão”, falou Ly, a principal compositora da Roxie.

Em todos esses anos de existência, a Roxie sempre manteve um repertório com 60% de músicas internacionais e 40% nacionais, destas, a maioria são autorais.

“Nosso repertório é uma mistura de rock pop, cover e muita música autoral”, completou Rebeca.  “Gostamos de tocar músicas novas, modernas e também as velhas e clássicas. Somos uma banda mutante, mas que mantêm uma identidade”.

Inspiração nunca falta

Agora, na quarentena, as meninas estão aproveitando para ampliar seu portfólio de composições, como nunca antes.

“Passamos uns anos sem gravar ou fazer músicas novas, mas agora resolvemos lançar não um álbum físico, como se fazia antigamente, mas uma lista, com músicas em inglês e português. Todas nossas”, explicou Dani.

Além de vocalista da Roxie, Ly é a principal compositora do grupo, ainda toca vários instrumentos e produz todas as músicas.

“Inspiração para músicas nunca faltam, principalmente nessa situação que nos encontramos agora, confinados. Quando não estou trabalhando em homeoffice, estou compondo, rodeada pelos instrumentos ou no nosso estúdio próprio, em frente ao computador, com um sintetizador”, contou Lilian.

Dando início à lista de músicas, duas delas já estão prontas, gravadas, mixadas e masterizadas, lançadas recentemente e disponibilizadas em todas as plataformas digitais: ‘3 Am’ e ‘Breathe’. Até o final do isolamento social, as meninas voltam a se reunir para gravar mais dez  músicas, já prontas pra gravar.

“Todo compositor compõe inspirado em algo que passa ao seu redor. Comigo não é diferente. Em ‘3 Am’ eu falo do meu relacionamento com meus amigos, meus grandes amigos estão lá, cada um de um jeito. O nome da música é um trocadilho do horário em que compus a música, três horas da manhã”, revelou.

‘Breathe’ é totalmente diferente e a compositora seguiu por outra vertente. Enquanto ‘3 Am’ passeia pelo surf music, soft, bem ao estilo do Sul californiano, tipo Little Joy ou Alabama Shakes, ‘Breathe’ é mais complexa, pois fala do eu interior das pessoas.

Até na concepção as músicas possuem diferenciais. Enquanto a primeira foi gravada da forma tradicional, orgânica, com músicos e seus instrumentos, a segunda surgiu totalmente a partir do computador com batidas em samplers, sintetizador e programação. De orgânico só teve a guitarra, gravada pelo músico, produtor e primo de Ly, Daniel D’Araujo (vocalista da banda Amazion) e a voz. 

Vídeos em breve  

“Diria que ‘Breathe’ tem tudo a ver com o atual estado de espírito das pessoas. A letra fala sobre ansiedade, medo de olhar para dentro de si mesmo e se sentir só, mas as pessoas precisam entender que é nelas mesmas que irão encontrar forças para enfrentar as adversidades do dia a dia”, ensinou.

A música começa com acordes mais tristes e pesados, mas logo depois passam a ficar bem leves e alegres. Ly quis passar um recado: as pessoas devem parar um pouco, respirar e começar de novo.

Quem quiser ouvir as músicas das meninas roqueiras, basta procurar por banda Roxie, ou apenas Roxie, nas plataformas digitais e no YouTube. Seguindo a onda das lives, que cantores e bandas no Brasil e no mundo estão fazendo como nunca antes, a Roxie avisa que uma apresentação sua já está sendo pensada.

“O grupo já conversou e resolvemos fazer, não uma live, mas vídeos com algumas de nossas músicas. Estamos combinando realizar uma produção bem legal, em cenários da cidade, cada um dando o seu olhar, sempre pensando em levar um pouco de música e entretenimento para as pessoas, principalmente, neste momento”, avisou Dani.

Enquanto isso, curta a Roxie em casa.

Fonte: Evaldo Ferreira

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email