Inovação tecnológica passa por Manaus

Com a missão de fortalecer o networking entre empreendedores, os novos negócios e a cultura de inovação, o Startup Weekend chega a Manaus e a região norte, colocando a capital amazonense no mapa do evento que acontece em várias cidades do mundo. Iniciado na última sexta feira (4) o evento aconteceu na EST (Escola Superior de Tecnologia) da UEA (Universidade do Estado do Amazonas). A Startup Weekend foi realizada com apoio da Secti-AM (Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação) e da Fapeam (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas).
Ao todo foram 54 horas de atividades em que os participantes são encorajados a ter boas idéias, validá-las, construir o modelo de negócios, desenvolver um protótipo e realizar uma apresentação para uma banca avaliadora. Em todas as edições do evento, ganha a empresa que consegue desenvolver uma idéia com um modelo de negócio interessante durante o fim de semana.

Primeira vez no Amazonas e no norte
Em Manaus, o Startup Weekend teve 120 potenciais empreendedores inscritos, todos com chances de fecharem bons negócios ou terem acesso a investimentos, explicou um dos organizadores da ação, Fredson Encarnação. “Todos os inscritos passaram por avaliações e houve uma triagem por três projetos. Mas, a oportunidade de fechar um negócio é igual para todas as empresas que estiveram presentes no evento. A Startup Weekend é dinâmica e espontânea. Os olheiros, investidores e parceiros têm chance de escolher projetos que queiram investir. É algo muito frequente em eventos do tipo”, explica.

Mentores e apoiadores
Para ajudar nos processos de negociação e esclarecimento de dúvidas dos times, o evento desde o último sábado, contou com apoio de mentores, especialistas e empreendedores de sucesso. A rede foi composta por speakers (conferencistas) como Guilherme Junqueira, diretor executivo da ABStartups (Associação Brasileira de Startups) e coachs (espécie de mentores), como o fundador e diretor executivo da amazonense ‘Ingresse S/A’, Gabriel Benarrós, que visam agregar valor à performance dos participantes. Um dos coachs, diretor da Uplink, empresa incubada na Fucapi, Danilo Egle participa levando comunicação aos participantes. “Meu papel no Startup Weekend, é o mesmo da minha empresa, o de comunicação social, servindo como um médico de emergência em marketing e comunicação, além de esclarecer dúvidas e instigar os participantes a produzirem mais e com inovação”, resume.

Vocação para o segmento
O evento é mais um que integra uma agenda anual intensa que o Amazonas já possui dentro do setor de inovação, consequência das seguidas ações de fomento realizadas nos últimos anos. O setor tem recebido apoio privado e governamental, contando inclusive com editais para negócios inovadores.
“Manaus tem um vocação natural para a inovação. Por estarmos em contato direto com o PIM (Polo Industrial de Manaus) e as maiores players do mercado estarem aqui, os interessados por PDI (Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação) são muitos, outro fator é a liberdade de se criar, boas idéias podem ser geradas no quarto de casa ou em conversas com amigos”, explicou Egle. “Tanto alarde vem servindo para desmistificar o segmento. Por muito tempo se pensou que inovação era coisa de especialistas em TI”, lembrou.
A geografia da região, as dificuldades geradas pela distância dos grandes centros e os problemas de logística, fazem do norte e do Amazonas, ecossistemas propícios à inovação.
“Estamos em um lugar único, o que fazemos aqui tão bem, se enquadra no conceito de startups, criar soluções para muitas pessoas, usando ideias simples. E algumas dessas idéias têm grande potencial econômico, podendo se escaláveis e gerar bons negócios”, avaliou Danilo Egle.

Destaque
Um dos destaques do Startup Weekend e também coach do evento é o fundador e diretor executivo da Ingresse S/A, Gabriel Benarrós. Nascido em Manaus, o empresário estudou Economia Comportamental na Universidade de Stanford. Organizou mais de 100 eventos no Vale do Silício (EUA), onde fundou a startup Ingresse, plataforma que ajuda pessoas a encontrarem eventos como shows e peças na sua cidade e realiza venda social de ingressos (social ticketing). A plataforma, em dois anos de atuação, já captou mais de R$ 2,5 milhões em investimentos e hospedou mais de 1.000 eventos que vão de torneios UFC até shows internacionais.
Confirmando a vocação do Amazonas para o setor, Gabriel Benarrós destacou a evolução do mercado em Manaus em ‘tão pouco tempo’.
“Ainda é inicial, mas já podemos ver o amadurecimento de alguns projetos. Nos últimos dois anos as coisas vêm crescendo e estão muito diferentes, muito melhores. Creio que a vocação para a inovação é consequência de trabalharmos com poucos recursos, o que nos obrigou a sermos mais criativos, enxutos e descobridores de formas mais econômicas de fazer”, fecha.

No mundo
O Startup Weekend é uma rede global de líderes e empreendedores de alto impacto, criada pelo Google em 2007, que através do Google for Entrepreneurs (Google para Empreeendedores), promove o crescimento de startups, fazendo uma ponte entre estas e os investidores. Mundialmente, os fins de semana do evento foram responsáveis por criar mais de oito mil startups em mais de 478 cidades do mundo, reunindo mais de 100.000 empreendedores, sendo que alguns destes conseguiram decolar nos negócios.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email