23 de maio de 2022

Ifpeam e um panorama do Comércio Amazonense

O Instituto Fecomércio de Pesquisas Empresariais do Amazonas (Ifpeam) realizou, neste mês de janeiro, dois importantes levantamentos, que abordaram temas relevantes para o Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Amazonas.

A primeira sondagem produzida pelo instituto averiguou a percepção dos empresários em relação à Black Friday e ao Natal 2021. No segundo estudo, foi sondada a percepção dos comerciantes quanto aos impactos das variantes de Covid-19 e de Influenza no setor comercial. 

Nos dois trabalhos, foram ouvidos empresários dos mais variados segmentos do comércio varejista, com o intuito de apresentar um levantamento abrangente.  


Pesquisa – Impacto das variantes virais no Comércio

O Comércio foi o setor econômico mais afetado nas duas ondas da pandemia da Covid-19. Restrições e suspensões foram impostas ao segmento, que impactaram e contribuíram para o fechamento de milhares de empresas em todo o país. Diante disso, empresários do Comércio de Bens, Serviços e Turismo estão apreensivos nesta terceira onda, que dessa vez, veio agravada com a variante H3N2 do vírus Influenza. 

Para expor o entendimento dos comerciantes em relação a esse cenário, o Ifpeam, no período de 10 a 14 de janeiro, ouviu 52 empresários sobre o tema.

No que tange à avaliação quanto às medidas adotadas pelo Governo do Estado do Amazonas após o aumento de casos de Covid-19 (variante Ômicron) e de Influenza (variante H3N2), os entrevistados responderam que essas são “Prudentes e Necessárias” (38%). Alguns “Concordam Plenamente” (37%) com as medidas e outros “Concordam Parcialmente” (25%).  

Em relação às expectativas para o cenário econômico neste primeiro semestre de 2022, a maioria vê um “Cenário Preocupante” (34%), enquanto 33% esperam um “Cenário Desafiador” e 33% um “Cenário Positivo com Aumento nas Vendas”.

Para a retomada da economia, os participantes da sondagem entendem que são necessárias medidas como “Linhas de Crédito com juros baixos e menos burocracia” (60%), “Redução nos Custos dos Fretes” (36%) e “Flexibilização das Leis Trabalhistas” (4%).  

Os entrevistados responderam que o “Afastamento do colaborador” (60%) e “Diminuição nas vendas” (40%) são os principais impactos das duas variantes nas empresas do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Amazonas.

Pesquisa – Sondagem Black Friday e Natal 2021

O segundo estudo realizado pelo Ifpeam ouviu 56 empresários com o objetivo de mensurar o comportamento do setor comercial manauara na Black Friday e no Natal 2021. 

Em relação às principais formas de pagamento utilizadas pelos consumidores no mês de dezembro de 2021, 32% empresas apontaram que o Cartão de Crédito Parcelado foi o preferido; 30% informaram que os clientes optaram pelo pagamento via PIX, que segundo eles, há vantagens exclusivas devido à inexistência de custos das administradoras de cartões e bancos. Para 21% dos entrevistados, a principal forma de pagamento utilizada pelos clientes foi o pagamento à vista/débito automático. Para 13% e 4% das empresas, as modalidades mais utilizadas foram Cartão de Crédito à vista e Crediário/Carnê, respectivamente.

Indagados sobre as vendas na Black friday 2021 em relação às de 2020, 48% informaram que não houve registro de aumento no número de clientes em suas lojas. 32% informaram que o desempenho ficou acima das expectativas, impulsionado pelas promoções e 18% ressaltaram que o varejo manauara teve uma Black Friday considerada abaixo da expectativa em termos de volume de vendas. 

Sobre a maior sazonalidade do Comércio, o Natal, 70% dos empresários afirmaram que as vendas aumentaram neste ano se comparadas às de 2020. 21% responderam que foram iguais e 9% não tiveram um resultado satisfatório, com queda nas vendas.

Outra característica do período natalino é a contratação de funcionários temporários. Dos comerciantes ouvidos, 82% abriram de 3 a 10 novas oportunidades de trabalho e 18% contrataram 1 ou 2 novos funcionários.  

Os dados acima apresentam resultados otimistas mesmo em um período com grandes desafios e adversidades para o Comércio de Bens, Serviços e Turismo. 

Nas próximas semanas, novas sondagens serão divulgadas pelo Instituto Fecomércio de Pesquisas Empresariais do Amazonas. Para saber mais sobre o trabalho do Ifpeam, visite o site da Fecomércio AM (www.fecomercio-am.org.br). As pesquisas do instituto também são divulgadas, via mídia espontânea, nos principais veículos de comunicação do estado do Amazonas. 

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email