Idam realiza intercâmbio com foco na cultura do guaraná em Maués

O Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam), realizou, no período de 6 a 12 de junho, um intercâmbio sobre a cultura do guaraná no município de Maués (a 276 quilômetros de Manaus). A ação foi feita em parceria com a Fazenda Santa Helena, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Ambev e a Associação dos Agricultores Familiares do Alto Urupadi (Aafau).

A técnica em agropecuária do Idam e responsável pelo Projeto Prioritário do Guaraná no município de São Sebastião do Uatumã, Mariza Gomes, foi quem participou e viveu experiências no intercâmbio.

“Fui encaminhada para Maués para ter essa imersão dentro da cultura do guaraná e desenvolver melhor o trabalho no meu município. Visitei os produtores locais de guaraná, onde também aprendi com eles e com sua experiência na cultura do guaraná. Como eles fazem os tratos culturais e também o que estão melhorando no beneficiamento do fruto”, contou.

Durante o intercâmbio, foram realizadas visitas também a Aafau, que trabalha com guaraná orgânico certificado e se organiza com parcerias, e assim, consegue escoar seus produtos, todos beneficiados e já embalados como guaraná em pó.

Mariza visitou ainda a unidade da Embrapa de Maués, onde conheceu os plantios de guaraná, o processo de implantação de melhoramento das cultivares e plantios consorciados; a Ambev; e a Fazenda Santa Helena. “Nessas visitas, recebi orientações dos técnicos sobre a produção de mudas, sobre os tratos culturais, e também sobre beneficiamento do guaraná”, disse a técnica.

Os projetos prioritários têm como objetivo fortalecer os produtores com a extensão rural, levando assistência técnica para as cadeias, melhorando a produtividade e fortalecendo a agricultura familiar.

“Essa experiência vivenciada nesses últimos dias em Maués tem sido muito rica e diversificada, tenho certeza de que me ajudará muito a desenvolver as atividades em São Sebastião do Uatumã”, enfatizou a técnica em agropecuária.

FOTO/DESTAQUE: Divulgação/Idam

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email