Harley-Davidson oferece descontos e condições especiais para maio

A Harley-Davidson tradicionalmente oferece descontos mensais para seus modelos. Para até 31 de maio, a marca está com taxa de 0,99%, 30% de entrada e saldo em 36 vezes. Entre os modelos, as Fat Boy e Fat Bob são as primeiras mencionadas pela marca. A Fat Boy 107 (ano/modelo 19/20 e 20/20) tem seu preço de R$ 74.800 por R$ 69.900. Quem utilizar uma seminova na compra ainda conta com supervalorização de R$ 5 mil. A Fat Bob 114 (ano/modelo 19/20 e 20/20) saiu dos R$ 74.800 para R$ 67.600, além de supervalorização de R$ 3 mil na motocicleta usada.

Enquanto isso, a Iron 883 (ano/modelo 20/20), porta de entrada da Harley-Davidson , reduziu seu preço de R$ 43.900 por R$ 39.900. Aos que optarem pelo modelo de motor maior, a Iron 1200 (ano/modelo 20/20) — que chega com acabamentos escurecidos, grafismo ousado e retrô no tanque de combustível — pode levar para casa por R$ 43.900, ante R$ 47.400 cobrados anteriormente.

A Harley-Davidson oferece uma gama de ofertas na supervalorização da seminova dos clientes, na compra de uma zero quilômetro. Todas as promoções podem ser encontradas no site oficial da marca. Entre os destaques mencionados pela promoção, está a FXDR 114 (ano/modelo 19/19, 19/20 e 20/20), com supervalorização de R$ 10 mil. Ela vem equipada com o motor Milwaukee-Eight 114, aliado a um filtro de ar esportivo, escapamento 2 em 1, suspensão dianteira invertida, rodas e balança em alumínio.

Como se não bastasse, a Harley-Davidson Fat Boy 114 e a Ultra Limited, que contam com supervalorização de R$ 7 mil. Já os interessados na Road King Special terão supervalorização de R$ 6 mil na usada. Aqueles que comprarem os modelos Sport Glide, Low Rider S , Street Glide Special, Road Glide Special e Road Glide Limited terão supervalorização na seminova de R$ 5 mil.

Renault oferece redução de até R$ 8 mil com nota fiscal de fábrica

Crédito: Divulgação

A Renault é uma das únicas marcas a oferecer descontos enquanto as outras fazem o oposto, por causa do dólar e outros fatores. Com exceção do novo Duster, lançado em março, e do Sandero RS, a redução chega nos R$ 8 mil, sem falar das reduções no financiamento. O primeiro deles é o Kwid na versão Zen, com um desconto de R$ 1.440, passando de R$ 41.190 para R$ 39.750. Já o Sandero Stepway Zen, sai por R$ 61.320, uma redução de R$ 4.270. A edição especial Captur Bose também tem desconto, reduzindo o valor em R$ 7.390 para R$ 91.100.

No site oficial ainda aparecem outros descontos. O Sandero Life 1.0, a versão de entrada, tem preço de R$ 45.450, desconto de R$ 5.340 sobre a tabela padrão. Já o “irmão” Logan , também Life 1.0, sai por R$ 50.855, um desconto de R$ 3.535. O único motivo pelo qual o SUV da nova geração ainda não ter sido agraciado pela promoção, é porque o Duster da geração anterior ainda está nas lojas. Este, na variante Expression 1.6, por R$ 66.400, tem desconto de R$ 7.390 sobre os R$ 73.790 normais da Renault.

Com as concessionárias inoperantes, a fabricante depende da plataforma Loja Renault, onde os clientes podem comprar online, com opções de financiamento, pré-avaliação do usado na troca e pagamento por boleto. A entrega é feita direta na casa do cliente, a partir da concessionária mais próxima. Além disso, muitas das lojas da fabricante estão oferecendo um esquema de test-drive à domicílio, para que o cliente possa experimentar o veículo antes de fazer a compra.

Conheça o novo Lexus UX300e

Crédito: Divulgação

O grupo Toyota está lançando o novo Lexus UX300e, crossover elétrico da marca de luxo da montadora japonesa. A estratégia pós-pandemia da empresa é vender imediatamente o modelo no mercado chinês e, no início de 2021, oferecê-lo na Europa e no Japão. No Brasil, manterá, por enquanto, apenas a linha NX300, híbrido autorecarregável.

O Lexus UX 300e é oferecido em dois níveis de acabamento com preços entre 51.000 e 54.000 dólares. Tem um alcance de 400 km e capacidade de carga de 6,6 kW em corrente alternada (CA) em postos de abastecimento e de 50 kW num carregador rápido em corrente contínua (CC) residencial. Usa bateria de 54,3 quilowatts – e tem um irmão movido a gás. Para atender à nova tendência de mercado, o modelo capricha no uso de filtros e novos materiais antibacterianos.

A Toyota planeja lançar 10 EVs até 2025. Além do Lexus UX300e, chegam de uma vez o Toyota C-HR e o Toyota Izoa elétricos. Eles compartilham a mesma nova arquitetura global da empresa. No caso do SUV elétrico CH-R EV, a bateria do crossover foi desenvolvida como parte da estrutura.

Segundo o site chinês HiNet, o Toyota C-HR tem entradas de carregamento nos lados opostos dos veículos – uma dedicada à energia CA e outra para carregamento rápido de corrente contínua. Também é esperado que o CH-R seja oferecido como um EV na Europa, onde as montadoras estão buscando cumprir metas rigorosas de emissão de CO2.

A Toyota parece também estar interessada em cultivar uma clientela mais jovem para seus próximos veículos elétricos. Recentemente; q montadora revelou o conceito futurista Rhombus EV e disse que o modelo será voltado para "consumidores nascidos depois de 1990".

Fonte: Lilian D´Araujo

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email