Gradiente silencia com relação a venda local

Constatada a informação da demissão de cerca de 300 funcionários da Gradiente no PIM (Pólo Industrial de Manaus), nos meses de junho e julho deste ano -confirmada pelo presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Valdemir Santana-, agora uma novo episódio traz a tona a discussão sobre uma crise enfrentada pela empresa.
Segundo a Agência Estado, a fabricante de eletroeletrônicos estaria negociando a venda de uma de suas unidades de produção de Manaus com a Moto Honda da Amazônia. A assessoria de imprensa da Gradiente não confirma a negociação ou mesmo o fechamento da venda de uma de suas propriedades na capital do Amazonas. Mas, segundo Valdemir Santana, o “boato” sobre a venda de galpões da Gradiente próximo à uma unidade da Moto Honda está correndo entre os próprios funcionários da empresa de eletroeletrônicos.
Diferente da Gradiente, a Moto Honda da Amazônia confirma uma possível compra. De acordo com sua assessoria de imprensa, as duas empresas estão em fase de negociação. A Gradiente confirmou que “enxugou” recentemente em 5% sua folha de pagamento, levando em consideração todo o grupo, que possuía 1.700 funcionários. Sobre esse ‘corte’, o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos disse não ter informações sobre a inclusão de funcionários de Manaus, mas somente de São Paulo.
A empresa também não confirmou adispensa de funcionários na unidade fabril da ZFM, durante o período de 3 a 7 de setembro. Segundo a assessoria de imprensa, os funcionários serão dispensados nos respectivos feriados desta semana, nos dias 5 e 7, e que no máximo pode haver uma “emenda de feriado”.
No dia 30 de agosto deste ano, a Gradiente confirmou a venda por R$ 22 milhões da marca Philco para um grupo de investidores estrangeiros com capital chinês. No último mês, a empresa suspendeu parcialmente sua produção de televisores em Manaus por problemas financeiros.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email