Governo adia anúncio de aumento para militares

O Palácio do Planalto adiou o anúncio do reajuste salarial dos militares. A expectativa era que o aumento fosse anunciado na sexta-feira durante a participação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva

O Palácio do Planalto adiou o anúncio do reajuste salarial dos militares. A expectativa era que o aumento fosse anunciado na sexta-feira durante a participação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva na comemoração do Dia do Exército -festejado amanhã, dia 19.
O presidente Luiz Inácio saiu da comemoração sem falar do aumento e frustrou a expectativa dos militares.
O comandante da Aeronáutica, brigadeiro Juniti Saito, disse que o assunto ainda está em discussão e que é preciso fazer alguns ajustes. “Em breve teremos uma notícia boa. Precisa haver alguns ajustes”, disse Juniti após a cerimônia.
A expectativa é que o reajuste seja anunciado na quarta-feira, dia 30. Técnicos do Planejamento dizem que a tendência é do aumento ser parcelado.
A hipótese mais provável é a concessão do aumento de forma escalonada considerando percentuais que variam de 27% a 37%. Outra idéia é elevar de R$ 207 para R$ 415 o valor do soldo pago aos recrutas.
Os ministros Nelson Jobim (Defesa), Mangabeira Unger (Assuntos Estratégicos) e Paulo Bernardo (Planejamento) já levaram as propostas para o presidente. Na semana passada, Jobim disse que os pontos divergentes serão definidos por Lula. “O presidente é que vai arbitrar”, disse ele.

Negociações
suspensas
Em janeiro foram suspensas as negociações relativas aos aumentos para os militares. Na ocasião, Paulo Bernardo disse que o governo não teria condições de reajustar os salários dos servidores -civis e militares- em decorrência do fim da arrecadação da CPMF (Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira).

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email