Gastronomia com ingredientes amazônicos

https://www.jcam.com.br/Upload/images/Noticias/2019/1Sem/06Jun/23/acaraje%20amazonico.jpg
O acarajé é recheado com massa de tambaqui, queijo coalho, camarões frescos e vinagrete, tudo junto

Se você é daquelas pessoas que só gosta de comer o que há de melhor, então, a Dica da Semana é dar uma ida ao Tambaqui no Ponto, afinal de contas todos os pratos desse restaurante de comida regional são pensados e preparados por um chef vencedor. Marcos Vinícius é o proprietário e chef do Tambaqui no Ponto, terceiro lugar no ano passado no concurso Comida Di Buteco com o petisco ‘camarão com crosta de aviú’, e vencedor deste ano com o ‘acarajé amazônico’.

“Foi a segunda vez que participei do concurso e nas duas vezes fiquei entre os melhores, então acho que os petiscos que crio são bons”, revelou.

O Tambaqui no Ponto foi inaugurado em agosto de 2015, em Adrianópolis, e desde o começo a idéia de Marcos era montar um restaurante com comida regional, utilizando a riqueza dos ingredientes amazônicos como jambu, tucupi, aviú, cheiro verde, chicória, entre outras especiarias, tendo como carros-chefes o pirarucu e o tambaqui, admirados e elogiados por chefs brasileiros e internacionais.

Ano passado, mesmo ficando em terceiro lugar no Comida Di Buteco, Marcos ganhou o prêmio especial Dona Benta como o melhor petisco.

“E não foi fácil chegar ao resultado final. Fiz 68 testes para conseguir encontrar o ponto certo da textura do aviú. Aviú é um pequeno camarão amazônico encontrado, principalmente, na foz dos grandes rios”, explicou.

Marcus Vinícius é o chef do Tambaqui no Ponto
 

“Este ano idealizei o ‘acarajé amazônico’ e fui aos testes. Foram bem menos, 26, para encontrar o recheio que ficasse no ponto certo e me satisfizesse e, lógico, quem o fosse comer. O acarajé é recheado com massa de tambaqui, queijo coalho, camarões frescos e vinagrete, tudo junto”, informou.

Os dois petiscos passaram a integrar o cardápio do restaurante.

Além dos petiscos vencedores, o Tambaqui no Ponto também serve outros pratos dignos de prêmios, como o escabeche de tambaqui, a farofa, a caldeirada de tambaqui, a moqueca com arroz branco e a farofa crocante, todos estes com camarões. Ainda tem a carne seca acebolada acompanhada de baião, macaxeira frita e purê de batata doce, e o arroz com frutos do mar entre os mais apreciados.

O Tambaqui no Ponto funciona de terça-feira a domingo, das 11h às 15h30 e das 18h30 às 22h30. Aos domingos, até às 15h30. O espaço possui 90 lugares sentados, com ar condicionado e wi-fi.

Em 14 de julho Marcos viaja para São Paulo para tentar ser o campeão brasileiro do Comida Di Buteco com o ‘acarajé amazônico’.

“Se depender de mim, vou caprichar ainda mais para trazermos esse título inédito para o Amazonas”, finalizou.           

Serviço

O quê: Tambaqui no Ponto

Onde: Av. Paraíba, 869 – Adrianópolis            

Funcionamento: De terça-feira a domingo, das 11h às 15h30 e das 18h30 às 22h30 Aos domingos, até às 15h30

Informações: 3071-9787 e 3071-9786

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email