Ford produz dois milhões de motores Zetec

O Complexo Industrial Ford de Taubaté  (São Paulo) produziu o Zetec Rocam de número 2,000,000,000 ontem. O motor é um 1.6 litro Flex de 105/111 cavalos de potência.

A família de motores Zetec Rocam acaba de completar a expressiva marca de 2 milhões de unidades produzidas no Brasil. O Complexo Industrial Ford de Taubaté  (São Paulo) produziu o Zetec Rocam de número 2,000,000,000 ontem. O motor é um 1.6 litro Flex de 105/111 cavalos de potência.
Para o diretor de assuntos governamentais da Ford para a América do Sul, Rogelio Golfarb, o desempenho evidencia as qualidades e o excelente trabalho realizado: “A motivação e o empenho dos empregados levaram a Ford eleger a fábrica de motores Zetec Rocam em Taubaté uma das mais versáteis e produtivas do mundo”.
A família Zetec Rocam 1.0 de 69 cv e 1.6 de 105 cv (abastecidos inicialmente somente com gasolina) começou a ser produzida em 1999. A fábrica passou por ampliação com a instalação de uma seção de usinagem de componentes, além de nova unidade de fundição de alumínio de cabeçotes.
As qualidades do Zetec Rocam como economia, durabilidade e desempenho rapidamente transformaram os veí­culos que utilizam essa família de motores em referência no mercado nacional e no exterior. A alta produtividade desses motores em Taubaté foi importante para a recuperação da Ford na América do Sul. Atualmente toda a linha de automóveis Ford produzidos no Brasil utilizam o Rocam. São eles Novo Fiesta, Novo Fiesta Sedan, EcoSport, Courier e Novo Ka.
 Esse sucesso levou a Ford a ampliar a fábrica do Zetec Rocam em três oportunidades: 2002, 2005 e 2007, quando foi consolidada a produção de 280 mil unidades em três turnos completos de trabalhos.
 
Família Sigma

Em meio às comemorações da produção de dois milhões dos motores Zetec Rocam, a unidade de Taubaté passa por profunda reestruturação para receber uma nova família de motores, denominada Sigma. Fruto do investimento de R$ 600 milhões, elevará a produção das atuais 280 mil unidades para 500 mil motores/ano.
 “A nova geração Sigma ampliará nossa oferta de motores, somando-se à consagrada linha Zetec Rocam. O investimento permitirá melhorias de produtividade e modernidade, trará ao país o estado-da-arte da engenharia global de motores e contribuirá consideravelmente para aumentar nossa competitividade”, afirmou Rogelio Golfarb.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email