Feiras de peixes têm queda no movimento na Semana Santa

A Semana Santa costumeiramente movimenta o mercado de peixes. Tida como o período em que os cristãos consomem  maior quantidade do produto, a baixa procura, sinaliza um cenário atípico para o período. O medo de contágio pelo novo coronavírus, limitou a circulação de pessoas nas feiras da capital. Segundo os feirantes, em relação ao ano passado, a queda no movimento já chega a 50%.

“Eu nunca vi uma situação parecida. Para a categoria é novidade.  No ano passado as pessoas procuravam os produtos na semana que antecede a data. Agora, foram semanas sem movimento. A nossa expectativa é que  nesta sexta-feira o movimento melhore porque é um dia que vende bem”, diz Heberson Júnior, 42, que trabalha na feira da Panair há 27 anos. 

Já pensando nas futuras perdas, ele conta que este ano diminuiu a quantidade de peixes para venda. “Vendo o tambaqui a partir de R$40. Devido a situação o preço não mudou. O valor está  acessível”.

O feirante da Manaus Moderna, Alessandro Souza, 37, também relata que a demanda baixa se precaveu e pegou cerca de 20% a menos do produto em relação ao ano passado neste mesmo período. 

O presidente do sindicato dos feirantes de Manaus, David Lima, disse que, o movimento desse ano na feira Manaus Moderna representou 30% do ano passado nessa época. 

“Infelizmente as expectativas foram frustradas pela Pandemia do Coronavírus e as vendas ficaram muito aquém do que tínhamos projetado. Os preços estão excelente, mas por causa do vírus a população evitou vir na feira, os peixes mais procuradas estão sendo o Tambaqui médio, o Pirarucu seco e fresco, o jaraqui e matrinxã. Preços médios de cada: Tambaqui médio entre 50 a 100, Pirarucu seco e fresco entre 18 a 25 o kg, jaraqui entre 2 a 4 reais a unidade e a Matrinxã entre 20 a 40 a unidade”, detalhou.

Para ele, o cenário frente ao Coronavírus ainda é de terror, pois a população encontra-se aterrorizada e muitos fizeram suas compras bem antes para poder permanecer em suas casas e para evitar aglomerações nessa época. 

“Ontem fizemos uma higienização geral com o hipoclorito e também distribuímos máscaras e álcool em gel e usamos os meios de comunicação para divulgar os preços, horário de atendimento e etc”, contou. 

O mesmo cenário é observado pela presidente da Comissão Gestora da Feira da Panair, Marie Souza. Ela endossa que a circulação de pessoas nesses espaços fez cair as vendas pela metade. “Tivemos um movimento melhor na manhã de ontem. Mas esperamos que o movimento aumente nesta sexta-feira”. 

Sobre os valores dos peixes a cambada do jaraqui, pacu, sardinha está R$ 20, tambaqui entre os mais vendidos está entre R$ 30 e R$ 100. 

Ela lembra que apesar de ter pessoas na rua, o maior número está obedecendo a quarentena, o que demonstra que realmente a pandemia tem assustado a população.

“Estamos tomando as medidas de precaução, usando máscaras, luvas e o álcool em gel, tenho conversado frequentemente com os feirantes para não deixarem de usar, pois por não termos fechado devemos deixar exposto nossa responsabilidade com nossa saúde e com a dos clientes”, destacou. 

Para atender os clientes, as feiras estão com horários diferenciados. A Panair está funcionando das 5h da manhã às 00h. A Manaus Moderna das 2h às 17h. 

Delivery

Para quem optar por delivery, o Governo do Estado, por meio da ADS (Agência de Desenvolvimento Sustentável), anunciou medidas para garantir a renda de piscicultores amazonenses e a comercialização de pescado regional fresco e com preço justo para a população. Produtores estão trabalhando com produto para pronta-entrega e delivery na capital.

Lista de contatos de alguns piscicultores que disponibilizam serviços de delivery em Manaus:

Suzy Pinheiro

Produtos: Tambaqui e matrinxã sem espinhas.

Contato: (92) 99189-6442

Regional Casa do Peixe (Guth)

Produtos: Filé de pirarucu fresco, ventrecha de pirarucu do tipo convencional e mista, carcaça de pirarucu, pirarucu seco filé, enrolado de pirarucu, miúdo de pirarucu seco, cabeça de pirarucu, filé de pescada, pescada in natura, filé de aruanã, sardinha na bandeja com seis unidades, surubim em posta, pacu na bandeja com três ou quatro unidades e filé de tucunaré.

Contato: (92) 99147-0109

Frigorífico JB Serpa

Produtos: Sardinha, pacu, picadinho de tambaqui, pirarucu fresco, filé de dourado, filé de surubim, filé de pescada, filé de aruanã e filé de pirarucu, tambaqui e matrinxã sem espinha.

Contato: (92) 99262-8470

Wanderson da Silva

Produtos: Filé de pirarucu, filé de pirarucu seco, ventrecha de pirarucu.

Contato: (92) 99308-3862

Adivaldo Menezes

Produtos: Tambaqui, matrinxã, pirarucu fresco e curumim, sardinha e pacu.

Contato: (92) 99166-7566

Fazenda Bicho do Rio

Produtos: Tambaqui e Matrinxã, sem espinha, tartaruga e tambaqui curumim tratados.

Contato: (92) 984265497 / 99173-8580 (whatsapp) 

Banca do Manoel

Produtos: Tambaqui e matrinxã sem espinhas.

Contatos: (92) 99330-3042 / 993123278.

Alain do Peixe

Produtos: Pirarucu fresco, pirarucu seco, tambaqui sem espinhas, tambaqui curumim, matrinxã sem espinhas, camarão regional médio e piracuí de bodó.

Contato: (92) 99325-1270 / 99237 5880.

Sítio São Sebastião

Produtos: Tambaqui e matrinxã sem espinhas, tambaqui curumim Tratado, filé de pirarucu fresco e ventrecha de pirarucu fresco.

Contato: (92) 982582244.

Manaus Peixe

Produtos: Tambaqui sem espinha, picadinho de tambaqui, costela lombo sem espinha, lombo de pirarucu, pirarucu em cubos, picadinho de pirarucu, pirarucu salgado, filé de aruanã, tucunaré em posta, filé de tucunaré

Contato: (92) 99218-9699 / 3213-9946 / 99445-1300 (whatsapp)

Companhia do Peixe

Produtos: Tambaqui sem espinha, pirarucu fresco, pirarucu seco, matrinxã sem espinha. Especialidade: tambaqui de rio, tucunaré e pescada

Contato: (92) 99107-7602 / 99107-3339

Os consumidores podem efetuar o pagamento por meio de cartão de crédito, débito, transferência bancária ou dinheiro.

Fonte: Andreia Leite

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email