1 de julho de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Feira vai expor peças que passearam na história

É comum vermos em filmes norte-americanos, as vendas de garagem, ou garage sale, famílias que colocam à venda todos os tipos de objetos e utensílios, na frente de suas casas. Povo altamente consumista, o americano costuma vender, ou muitas vezes simplesmente se desfaz, de peças com pouco uso, ou mesmo zeradas. 

No Brasil as vendas de garagem já são comuns, há alguns anos, principalmente no Sul e Sudeste, e agora chegam a Manaus através do arquiteto Marcelo Alexandre Barbosa. Desde quarta-feira (15) até sábado (18), Marcelo está realizando a terceira edição do ‘Garage Sale Collab’, traduzindo, venda colaborativa de garagem, e já programa a próxima edição para 14 a 17 de julho em local a ser anunciado. 

“Ano passado promovi duas edições da ‘Garage Sale Collab’ e este ano voltamos novamente com duas edições, mas se houver demanda, com certeza realizaremos outras vendas de garagem”, adiantou. 

Mas, apesar do nome, as vendas organizadas por Marcelo não ocorrem numa garagem, ou na frente de uma casa. Ele dá um toque de glamour e sofisticação ao acontecimento que é realizado em belas residências e casarões seculares e as peças colocadas à venda passam bem distante daquelas de um brechó, ou de um bazar. 

“Eu fiz a junção de uma open house com uma garage sale. Na open house, uma casa que vai ser vendida é aberta para visitação dos interessados, quando também podem ser vendidos seus móveis e demais utensílios. Do garage sale eu reúno peças de várias pessoas e as coloco na open house e aumento substancialmente os itens para venda”, explicou. 

Peças de qualidade 

A primeira edição da ‘Garage Sale Collab’ aconteceu num casarão, na rua São Luiz, em Adrianópolis. A segunda foi num casarão secular, no Centro, na rua Monsenhor Coutinho. Esta agora será numa mansão, no conjunto Morada do Sol, por sinal, segundo Marcelo, essa mansão foi projetada pelo arquiteto da Amazônia, Severiano Mário Porto. 

Marcelo afirmou que participar da ‘Garage Sale Collab’ é uma ótima oportunidade para adquirir peças de qualidade com preços diferenciados.  

“A iniciativa é um colaborativo que funciona quando clientes fazem novos projetos para suas residências e nós precisamos modificar os espaços. Nesse processo, têm peças para se desfazer e os clientes querem vendê-las. Então, catalogamos tudo e uma ou duas vezes ao ano, colocamos à venda com preço de garage sale”, disse. 

O evento, geralmente, ocorre na casa de um cliente que está em processo de venda do imóvel e dos utensílios e peças usadas que não serão mais utilizados por ele.  

“Nosso objetivo é oferecer aos nossos contratantes a oportunidade de venda de seus itens de mobiliário, utensílios domésticos, artigos decorativos, dentre outros, e a preservação da venda dos mesmos”, completou. 

Como a ideia se tornou interessante para quem gosta de, permanentemente, mudar as peças decorativas de sua residência, Marcelo fez um perfil no Instagram, @garage sale collab, onde reúne essas pessoas. Tão logo o arquiteto começa a organizar uma nova ‘Garage Sale Collab’, nem demora para aparecer os interessados em vender os mais variados tipos de peças dentro da linha a que se propõe o evento. 

Mais edições 

Sobre o porquê de não estabelecer um local fixo onde sempre estejam disponibilizadas peças para venda, Marcelo informou que se fosse assim, o espaço acabaria virando uma loja e o objetivo não é esse. 

 “A graça dos encontros está em sempre ser apresentado numa casa, num casarão, numa mansão, numa residência diferente. Os participantes já ficam com aquela curiosidade de saber onde vai ser o próximo. Quando acertamos o local, passamos a catalogar tudo o que vai ser vendido. Trabalhamos todo um ambiente de evento. As peças recebem um trato, cria-se uma vitrine, tudo em nome do bom gosto”, revelou.  

Nesta terceira edição, o público encontrará artigos com uma grande variedade de preços, para todos os gostos e bolsos. Estão sendo disponibilizadas telas, acessórios de decoração, peças de antiquário, vasos, espelhos, estantes, lustres, poltronas Luiz XV, pratarias, cristais, jogos de jantar franceses, dentre outros. 

“Podemos vender de uma peça contemporânea a outra secular. O importante é que o visitante saia satisfeito com a sua aquisição e que torne isso um hábito prazeroso em sua vida”, destacou. 

“Esse movimento já é bem intenso em algumas cidades brasileiras. Em Brasília, por exemplo, o garage sale ocorre todo final de semana. Então é uma boa oportunidade de redecorar ambientes com peças conservadas e por preços acessíveis, e Manaus passará a ser mais uma cidade seguindo essa tendência”, concluiu. 

Quem quiser peças de utilidade e decorativas para sua residência, o ‘Garage Sale Collab’ acontecerá até sábado (18), das 9h às 18h, na rua Planeta Mercúrio, 6, Morada do Sol, Aleixo. Informações: 9 8802-4416. 

***

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email