11 de abril de 2021

Feira de negócios deve ­movimentar R$ 500 milhões

Os organizadores e as empresas expositoras geraram 20 mil empregos diretos no evento, investindo R$ 2,2 milhões nos estandes, 30% a mais que no ano passado.

Embalada pelo melhor momento da construção civil em 30 anos, a 12ª edição da Construir 2007 – Feira Internacional da Construção, realizada pela Escala Eventos, com apoio do Crea-RJ e do Sinduscon-RJ, abre, nesta terça-feira, 20, às 14h, no Riocentro, Barra da Tijuca. A feira deverá movimentar cerca de R$ 530 milhões em negócios –10% a mais do que em 2006– durante o evento e nos 12 meses seguintes.

Os organizadores e as empre­sas expositoras geraram 20 mil empregos diretos no evento, investindo R$ 2,2 milhões nos estandes, 30% a mais que no ano passado. A expectativa é de que os pavilhões 3 e 4 do Rio­centro receberão cerca de 180 mil visitantes (12% a mais do que no ano passado), entre­ construtores, engenheiros, arqui­­­­tetos, decoradores, atacadistas­/distri­buidores, síndicos, lojistas, uni­ver­­sitários e demais profissio­nais do setor de construção ci­­­­vil. Para estimular a reforma de imóveis, a Caixa Econômica Fe­deral, banco oficial do evento, vai credenciar lojistas de to­do o Brasil para vender materiais de construção e armários embutidos em até dois anos.

Realizada a um mês do Natal, a Construir 2007, mais uma vez, reserva facilidades para os milhares de frequentadores comprarem enfeites de Natal para a casa, condomínio, escri­tó­­rio ou estabelecimento co­mer­­­­­cial. O empresário Elmo Es­­­te­­­­ves, diretor da King Ouro, tripli­­­cou o Espaço Natal, que, em seus 600 m², oferecerá produtos para decoração natalina da empresa Taschibra. Haverá os mais variados modelos de Papai Noel, árvores, enfeites, mangueiras luminosas e pisca-pisca.

Para que os profissionais da construção civil, novamente atraídos ao mercado pelo aquecimento do emprego provocado pelo ritmo acelerado das obras imobiliárias e do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), se informem sobre as últimas inovações tecnológicas, fabricantes de materiais de construção promoverão rodadas de treinamento gratuito nos cinco dias de feira, oferecendo certificados de qualificação.

Essa foi a forma encontrada por empresas como a Tigre, Hen­­­­kel, Sika, Sherwin-Williams, Amanco, Perlex, Viapol e Systemac para garantir a correta aplicação ou manuseio de seus produtos e evitar reclamações futuras. As áreas que mais inovaram em tecnologia são as de material elétrico e hidráulico, que chegam a representar quase 30% do custo da obra, pisos e revestimentos. Para atestar a segurança das colas, praticantes de rapel vão escalar obstáculos colados em paredes de vidro.

Na última terça-feira, dia da abertura, o campeão olím­pi­­­­­co de vôlei masculino Giovane Gávio visitará o estande da Tigre, no Pavilhão 3 do Riocentro, onde, além de treinamento de profissionais da construção, haverá exibição de um grupo de pagode.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email