Pesquisar
Close this search box.

Feira de Imóveis promete facilitar a conquista da casa própria

De 31 de maio a 2 de junho, o mercado imobiliário do Amazonas vai movimentar o Centro de Convenções Vasco Vasques. Esta é a terceira edição da Feira Imobiliária de Manaus, com mais de 5,7 mil imóveis à venda comprometidos em tornar mais fácil a compra da casa própria. O evento é organizado pela Ademi-AM (Associação das Empresas do Mercado Imobiliário do Amazonas) e patrocinado pela Federação Caixa Econômica. 

Na edição anterior, que aconteceu em 2019, as vendas totalizaram mais de R$ 146 milhões e mais de dez mil pessoas participaram do evento durante os três dias. Em 2020, empresas renomadas do setor imobiliário irão apresentar novos empreendimentos com condições especiais, facilitando a entrada e oferecendo a oportunidade de utilizar o subsídio do programa Minha Casa Minha Vida e do FGTS.

A construtora MRV por exemplo está lançando dois novos empreendimentos em um bairro muito procurado e próximo da avenida das Torres, visando atender pessoas com renda entre R$ 1,7 mil e R$ 6 mil. Além disso, a empresa ainda possui produtos em ótimas localizações em Manaus, como no Parque Mosaico, Ponta Negra, Parque 10, Colônia Japonesa e Bairro da Paz, que são áreas muito valorizadas pela facilidade de acesso. De acordo com Victor Lopes Miranda, gestor comercial da MRV e Sensia em Manaus, a importância do evento  é mostrar aos moradores de Manaus condições especiais de pagamento e ofertas exclusivas, facilitando o acesso à moradia digna. Estamos com expectativa altíssima, pois é um evento que o mercado imobiliário necessitava retornar, e que as últimas edições foram um sucesso”, destacou. 

Raphael Collares, Diretor Comercial da Smart Empreendimentos, empresa que também participará do evento, descreveu que a iniciativa da Ademi-AM em promover um evento imobiliário é fundamental para o setor de imóveis. “Trata-se de uma excelente oportunidade para os consumidores adquirirem seu imóvel com condições exclusivas e especiais, pensadas e planejadas especialmente para este evento. São condições de negociação que não estão disponíveis em outras épocas do ano. Todas as margens, flexibilidade, prazos e condições estão sendo otimizados ao máximo para tornar esse momento único para os clientes presentes na feira”. 

Ele ressaltou que este é o primeiro feirão presencial pós-pandemia, sendo o último realizado em 2019. “Com três anos sem a realização de um evento presencial, as expectativas para o feirão de 2024 são muito positivas. As construtoras estão se preparando com condições especiais e realizando reuniões semanais para garantir o sucesso do evento. O que tenho observado é que todas as empresas estão realmente engajadas com o feirão, algo que nunca foi visto antes em Manaus em termos de ofertas e facilidades. Contando com o apoio do governo estadual e federal, estamos confiantes de que o feirão será um grande sucesso. Convidamos a todos que estão no processo de compra de seu apartamento ou casa a aproveitarem essa oportunidade única”, recomendou Raphael Collares. 

De acordo com a Ademi-AM, para aqueles que sonham com a casa própria, o evento oferece a oportunidade de consultar preços, conhecer produtos e realizar simulações. É necessário apresentar documento de identidade, CPF, comprovante de renda e residência. Além disso, mais de uma pessoa pode compor a renda familiar para a aquisição do imóvel.

O Feirão de Imóveis funcionará das 10h às 22h nos dias do evento. O presidente da Ademi-AM, Henrique Medina, destaca a importância do evento: “Entendemos que este seria o momento. É importante frisar que todas as incorporadoras com imóveis do Minha Casa Minha Vida, de médio e alto padrão estarão neste evento, somando 11 empresas confirmadas. Acredito que reuniremos em torno de 20 mil pessoas nos três dias de evento e um volume de vendas em torno de R$ 200 milhões”.

Medina também ressalta que o governo federal editou uma nova portaria que aumentou o subsídio para o Norte do país, beneficiando o Amazonas. “Teremos imóveis do Minha Casa Minha Vida com novas condições de subsídios, atendendo famílias com dois salários mínimos até aquelas com maior renda”. 

Balanço 

A última edição, realizada em 2019, gerou um montante de vendas superior a R$ 146 milhões. Este ano, grandes empresas do setor imobiliário apresentarão lançamentos com condições diferenciadas, entrada facilitada, e a possibilidade de utilização do subsídio do programa Minha Casa Minha Vida e do FGTS.

Durante os três dias de evento, mais de 10 mil pessoas visitaram o G3 do Millennium Shopping  movimentando o referido valor em  negócios prospectados e fechados. O número de visitantes da última edição chegou em torno de 36%, representando um número positivo, em relação ao ano anterior, que registrou 20% a menos. 

Grauben Lauschner, dona da Lauschner Negócios Imobiliários, que está presente em todas as edições, revelou que na feira imobiliária de 2019 ocorreram muitas negociações que superaram suas expectativas. Houve clientes fazendo pagamentos de sinal e as construtoras premiando os corretores.

Ela confirma que as negociações aumentaram em 20% em relação a 2018, totalizando 40 unidades vendidas. Além disso, outro resultado significativo, de acordo com Grauben, foram as vendas das unidades do programa Minha Casa Minha Vida.

*Serviço:*

– *Quando:* 31 de maio, 1º e 2 de junho

– *Horário:* 10h às 21h

– *Onde:* Centro de Convenções Vasco Vasques

– *Entrada:* Gratuita

Andréia Leite

é repórter do Jornal do Commercio
Compartilhe:​

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Notícias Recentes

Pesquisar