3 de dezembro de 2021

Após três tentativas de negociações frustradas, ao que tudo indica o destino do complexo hoteleiro do Tropical Hotel está traçado. Nesta quarta-feira (11), o Grupo Fametro apresentou uma proposta pela aquisição do hotel de R$ 91 milhões durante leilão online. Tido como um dos mais rentáveis, sendo referência a nível nacional e internacional, o hotel foi arrematado pelo grupo Fametro que propôs pagar 10% de sinal e parcelar o restante em 80 vezes. 

O leilão determinado pela 4ª Vara Empresarial do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJ/RJ) foi acompanhado pelo presidente do Grupo Fametro, Wellington Lins.

Inaugurado nos 70, o Tropical já foi considerado o principal e mais luxuoso hotel do Norte. Recebeu hóspedes internacionais como o fundador da Microsoft, Bill Gates, o príncipe de Gales Charles e a princesa Diana, o ex-presidente americano Bill Clinton além de grandes celebridades do mundo.

O Centro Universitário Fametro postou mensagem nas redes sociais informando que adquiriu o Tropical Hotel Manaus.

“A novidade de hoje é histórica Tropical Hotel agora é Fametro! Além de voltar a ser um instrumento de fomento para o turismo no Amazonas, será também um lugar de prática para o ensino de nossos alunos”.

Essa é a segunda grande aquisição do grupo Fametro, que em novembro de 2019 também comprou a estrutura e o terreno que abrigam a Santa Casa de Misericórdia, no Centro de Manaus.

Para o advogado, Pedro Cardoso, que representa o administrador oficial das massas falidas considerando o atual cenário de pandemia, o valor pelo qual o bem foi arrematado com 50% da avaliação sobre uma análise que já havia sido feita antes da pandemia. “Superou as expectativas porque achei que não fosse sair. O que realmente não foi o melhor, foi a questão do parcelamento que ficou em sete anos. Não tem jeito foi a melhor oferta e a única”. 

Ele reitera que os credores trabalhistas serão pagos nas suas respectivas classes, mas terão que aguardar um tempo. Considerando que são inúmeros credores e que o montante não vai se prestar somente para o pagamento dos trabalhistas do empreendimento, mas também de todo o grupo como a Varig Participações, do Tambaú, do Oceano Praia. “Isso dá aproximadamente R$60 a R$70 milhões e a gente vai fazendo um rateio de pouco a pouco. O pagamento será muito diluído, mas é o que temos. Gostaríamos que o parcelamento fosse menor para pagar logo esses credores trabalhistas”. 

Em dezembro do ano passado, o Tropical Hotel passou por uma tentativa de venda, no entanto, o pagamento não foi efetuado. O mesmo aconteceu em fevereiro deste ano, quando não foi pago o valor proposto de R$260 milhões. O hotel  encerrou as atividades em maio de 2019. Passou por A maior perda foi para o trade turístico da região. Era o maior atrativo do destino. São 640 apartamentos fora de operação com estrutura para receber mais de 18 mil pessoas. 

Coletiva

Nesta quinta-feira (12), às 10h30, na unidade 2 da Fametro, na avenida Constantino Nery, a instituição realiza coletiva para a imprensa com o objetivo de detalhar e informar o projeto que será executado no local. Participam do evento o diretor Administrativo Wellington Lins Jr, o Diretor Financeiro, Leandro Lins,  o diretor de Expansão, Yad Amado e a vice-reitora, Cinara Cardoso.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email