Faltam bons líderes para o mundo

O mundo está carente de líderes. As nações não têm mais líderes que sejam exemplos para os povos. Os líderes atuais perderam o exemplo daqueles que conquistaram a simpatia dos povos através de atitudes honrosas e exemplares demonstradas no passado. O que o líder atual ignora deixado de bom pelo passado, faz falta na atualidade. As melhores filosofias de vida foram pensadas em um mundo ainda em calmaria. A mente pensa melhor quando o mundo ao redor dela está evoluindo, mas ainda de forma vagarosa.
Os Estados constituintes de um país fabricam líderes para sugar suas riquezas e legislar contra a própria população que eles fazem parte. A arte de fazer política em favor do povo já perdeu o sentido faz muito tempo. Os interesses grupais estão acima de qualquer necessidade pessoal. Os planos de desenvolvimento dos paises pertencem ao grupo que esta no poder. Troca-se o grupo substitui-se os planos, ou seja, não existe um planejamento que seja um definidor de desenvolvimento. O líder pode mostrar os caminhos, mas nem sempre ele pode estar neles todo o momento para liderar. As cidades se vêem sem representatividade forte que seja o seu defensor e guardião de suas fronteiras e necessidades. O gestor de municípios vive de inaugurações eleitoreiras, demonstrando trabalho somente nos dois últimos anos, amparado ainda por um forte esquema de mídia. A incompetência administrativa se escancara em evidencias nas áreas de saúde, educação e segurança.
A instituição família vem cada vez mais perdendo a sua essência tradicional de união devido o enfraquecimento da liderança do pai e da mãe. Esse enfraquecimento ocorre em função da precocidade do casal e do despreparo tanto do homem quanto da mulher para o matrimônio. Aliado a isso vem a necessidade de trabalhar cedo, deixando de lado a formação de identidade do casal. Se o recente casal se esforça para manter um nível de sobrevivência, há de se imaginar a falta de opção para a bagagem cultural de ambos e dos filhos. O líder pode ensinar a diferença entre o certo e o errado, mas a decisão está nas mãos de seu seguidor.
As empresas vivem cheias de problemas porque os seus líderes vivem na correria de atender os resultados e esquecem que eles dependem de uma preparação que o líder deve oferecer. Os gestores administram em modelos tradicionais, correndo sempre atrás para consertar as coisas. Basta entender que, quem corre atrás é perdedor. Uma empresa cheia de problemas e com gestores centralizadores e arcaicos na sua forma de administrar abre caminho para a concorrência ganhar, sua velocidade nas atividades vai a passos de tartaruga e deixa o corpo de funcionários sob baixa estima. O líder pode se vestir bem, mas ele tem de se fazer bonito por dentro.
Nas escolas, o índice de abandono escolar é um dos maiores jamais visto na história da instituição, provocado pela falta de liderança e dinamismo daqueles que a dirigem e colaboram. Mas, um mestre verdadeiro, aquele que se engaja na causa pedagógica não se intimida com aqueles que decidem acima dele. Portanto, a causa principal está no topo das decisões, afetando toda uma cadeia de interessados em sair de uma situação de ignorância natural. A pior delas é aquela em que é dada a sabedoria, mas o ser humano a rejeita. O líder pode dar conselhos, mas que decide segui-lo é o liderado.
Nas ruas, impera a violência sob a influência das drogas e dos programas negativos da mídia, porque o cidadão não sabe ser líder de si próprio. O homem sem um princípio filosófico, não pára de dar voltas ao seu próprio redor. A falta de conhecimentos de metodologias faz o ser humano ser um pato cego. Quando não obtemos sucesso nas ruas é porque não aprendemos a lição de casa. Primeiro se conhece o ambiente que nos oferece conforto e prazer, depois enfrentamos o ambiente que nos proporciona sobrevivência e lazer. O líder ensina a importância de fazer as coisas com prazer e ter prazer naquilo que faz, mas é o liderado quem tem que ter consciência disso. Lidar com todas es

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email