Falta de entendimento adia votação para próxima semana

O presidente do Sena-do, Garibaldi Alves (PMDB-RN), admitiu que a votação do Orçamento Geral da União de 2008 foi novamente adiada para a semana que vem.
A votação, que estava marcada para ontem, ficará para quarta-feira da próxima semana.
“Eu acho que vamos encontrar um bom acordo para aprovarmos o Orçamento na quarta-feira, o governo e a oposição”, disse a líder do governo no Congresso, Roseana Sarney (PMDB-MA).
Não houve acordo sobre a extinção do anexo de “metas e prioridades” incluído na peça orçamentária. “Pode ser que inicie a semana que vem sem Orçamento. Tinha tudo para resolver ontem, mas não resolveu”, disse Garibaldi.
Segundo Roseana, o Congresso vai pagar “um preço alto” se não aprovar o Orçamento. É que o governo ameaça editar uma “enxurrada de medidas provisórias” -que deverão ser votadas depois pelo Congresso- para garantir a execução de projetos em execução.
O senador Garibaldi Alves afirmou que a proposta apresentada pelo deputado Maurício Rands (PT-PE), de distribuir os R$ 534 milhões do anexo de três formas diversas, chegou a ter apoio da maioria dos líderes -mas ainda não foi suficiente para garantir a votação.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email