29 de junho de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Fábrica da Caoa Chery vai passar a montar veículos eletrificados

A Caoa Chery irá reestruturar sua linha de veículos oferecidos no Brasil, a fim de alinhar os produtos ofertados no país com as demandas globais de mobilidade sustentável.

Visando ofertar versões híbridas ou elétricas de todos os seus modelos até o fim de 2023, a Caoa Chery irá remodelar a fábrica de Jacareí (SP) para produzir os componentes necessários no processo de eletrificação.

Segundo comunicado, a fabricante negocia com o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos (SP) para indenizar os funcionários afetados com a medida. O sindicato, por sua vez, informou que todos os trabalhadores da linha de montagem serão demitidos, junto com metade do quadro administrativo.

Para os metalúrgicos, a montadora afirmou que a produção na fábrica será retornada em 2025, e há uma reunião marcada para o dia 10 de maio, onde a fabricante e o sindicato discutirão as medidas tomadas. 

Em Jacareí (SP) eram produzidos os modelos  Tiggo 3x e Arrizo 6 Pro. O primeiro será descontinuado, enquanto o sedã virá por importação. Será uma grande reforma na fábrica do interior paulista, que apesar de ser considerada moderna precisa de adaptações para produção de modelos híbridos e elétricos.

No início de março, a fábrica já havia paralisado a produção. Segundo a Caoa Chery, essa suspensão acontecia por conta de falta de peças e escassez de componentes eletrônicos e outros insumos.

A fabricante diz que a reestruturação não terá impacto no número de veículos produzidos, já que irá reforçar a fábrica de Anápolis (GO), e que os modelos que foram produzidos em Jacareí (SP) continuarão recebendo peças, assistência técnica e garantias em todas as concessionárias normalmente.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email