1 de julho de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Experimento cafeeiro no AP tem boa expectativa

O experimento cafeeiro da Embrapa Amapá, implantado há um ano e meio, está em época de floração, indicando para maio de 2010 uma expectativa de boa colheita

O experimento cafeeiro da Embrapa Amapá, implantado há um ano e meio, está em época de floração, indicando para maio de 2010 uma expectativa de boa colheita. A avaliação otimista é do pesquisador Rogério Mauro Machado Alves, que coordena no Amapá as atividades de um projeto de melhoramento genético do café Conilon na Amazônia.
“As plantas apresentam ótimo desenvolvimento vegetativo, com crescimento resistindo às condições adversas de clima e temperatura elevada e a doenças”, disse ele durante visita ao experimento onde florescem 500 plantas resultantes de materiais fornecidos pela Embrapa Rondônia e Embrapa Amazônia Oriental de Belém (PA).
O objetivo da pesquisa é introduzir e avaliar genótipos de café Conilon para cultivo em sistemas de produção adaptáveis às condições de solo e clima do Amapá. Ao final de cinco anos, se os testes forem considerados promissores para recomendar cultivares para o Amapá, o Estado poderá produzir café em escala suficiente para diminuir de forma significativa sua dependência de importação de grãos.
“Um dos objetivos de todo este trabalho é econômico, porque o Amapá atualmente depende do fornecimento de café do Sul e Sudeste. Temos materiais que se adaptaram muito bem às condições da Amazônia, vindos de Rondônia, e isso nos encoraja a repetir o sucesso no Amapá”, destacou Alves.
Ele explicou que, no total, a Embrapa Amapá recebeu 49 materiais melhorados geneticamente (cultivares com características diferentes). Após a produção de cerca de 5 mil mudas no Campo Experimental de Fazendinha, em Macapá (AP), os testes de produtividade e outros itens passarão a ser realizados no cultivo do Campo Experimental do Cerrado, localizado no KM 45 da BR-210.
No Amapá, estão plantados cerca de 500 plantas em meio hectare, área equivalente ao tamanho de meio campo de futebol. Os cuidados especiais no Campo do Cerrado envolvem a irrigação que é feita diariamente, a adubação completa com fósforo, nitrogênio, potássio e esterco, e a condução da cultura, que consiste, por exemplo, na eliminação das brotações e florações indesejadas porque impedem o crescimento da planta.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email