11 de agosto de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Evento oferece consultoria grátis

Acontece amanhã a segunda edição da Feira de Micronegócios do Amazonas, organizada pela Fieam (Federação das Indústrias do Estado do Amazonas) e IEL (Instituto Euvaldo Lodi)

Acontece amanhã a segunda edição da Feira de Micronegócios do Amazonas, organizada pela Fieam (Federação das Indústrias do Estado do Amazonas) e IEL (Instituto Euvaldo Lodi). O evento será realizado no Sesc (Serviço Social do Comércio), localizado na rua Henrique Martins, Centro, das 9h às 17h.
O objetivo da feira, segundo José Augusto da Cunha, do Núcleo de Inovação e Empreendedorismo do IEL, é reunir, integrar e fortalecer as MPEs (Micro e Pequenas Empresas) junto aos programas de empreendedorismo e inovação que o instituto desenvolve em parceria com o Sebrae (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) e Femicro (Federação das Associações de Microempresa e Empresas de Pequeno Porte).
José afirmou que a feira vai proporcionar às empresas participantes a divulgação de seus produtos, incrementando as vendas e consequentemente incentivando o trabalho, renda e economia no Estado.
Dentre os serviços oferecidos estará a consultoria empresarial gratuita, aberta a todos os empreendedores que não podem custear uma consultoria ou aconselhamento empresarial. Haverá também desfiles, dicas de sucesso, estética e beleza. Nesta edição a feira contará com a participação de, pelo menos, 19 empresas, dentre elas Rocco Comércio Ltda., Estilo’s, Guaranamazon, Cláudia Artesanato MDF, Arte e Beleza Amazônia, Panificadora Rodrigues, Maná Biscoitos, Ditália, Mimos Biscoitos Amazônicos, Ritati Moda Íntima, Toca da Vovó, Premiere Classique, Artesanato em Madeira, Mosaico Arts, Eco Recicla, Refiam, Harmonia Nativa, Geor Beleza e Estética e Modelo Biscoitos e Massas.
O público-alvo da feira é a classe empresarial e acadêmica, mas o evento será aberto ao público em geral. A feira pode ser considerada uma espécie de vitrine de produtos genuinamente amazônicos, desenvolvidos por MPEs e Empreendedores diversos. Também haverá sorteios de produtos dos patrocinadores do evento, são eles Sebrae, Senai, Sony Dadc, Modelo, Magistral e Nokia. A expectativa de público para este ano é de 1.000 visitantes, 500 a menos que no ano passado. Segundo Kátia Meirelle, uma das organizadoras da feira, a redução se explica pelo fato do local ser muito limitado em termos de espaço. A procura pelos estandes de divulgação está grande, inclusive nove empresas estão na fila esperando a desistência de alguma para participar do evento, de acordo com Kátia.
Segundo os organizadores do evento, a ideia da Feira de Micronegócios surgiu em 2008, para atender as demandas dos projetos de empreendedorismo e inovação do IEL Amazonas. Com o intuito de fortalecer as MPEs do Estado, a mesma se apresenta como uma vitrine, que visa apresentar e expor novas ideias ao mercado, gerando uma oferta diferenciada que venha incrementar além da apresentação do produto, uma alternativa de serviços, ampliando o mercado competitivo. Os responsáveis pelo evento informam dizem ainda que a competitividade não está tão somente para aqueles produtos que tem um modelo de vitrine convencional, muitas vezes é o processo criativo que faz a diferença no resultado final. A feira deve ganhar novas edições nos próximos anos.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email