11 de abril de 2021

Especialista indica as carreiras que estarão em alta em 2013

Carreiras em TI (Tecnologia da Informação), RH (Recursos Humanos) e Financeira, estarão em alta em 2013

Carreiras em TI (Tecnologia da Informação), RH (Recursos Humanos) e Financeira, estarão em alta em 2013. Essa é a expectativa da especialista Paula Pedrosa, diretora-executiva da Paulo Pedrosa Headhunter & Associados, empresa que atua em consultoria de recursos humanos no Amazonas. “Essas são áreas necessárias na maioria das empresas, independente do segmento”, informou.
Ela afirma que, além dos conhecimentos acadêmicos e técnicos, é necessário que o profissional seja visto com facilidade de relacionamento, comunicação e com valores essenciais intrínsecos como pessoa. “O segundo idioma sempre é um diferencial, dependendo da empresa e o porte, é indispensável”, destaca Paula.
Quantos aos salários, a especialista comenta que isso depende do nível hierárquico do profissional e da nacionalidade da empresa, pois o salário também varia de acordo com a cultura da mesma. “A maior demanda são para cargos de analistas e gerentes”, revela Paula, que conta que o salário de um gerente financeiro que atua na indústria pode chegar a R$15 mil e de um analista de RH Sênior chega a R$ 2.800.
Preparando-se para 2013
Para a recém-formada em administração, Juliana Caxias, o ano de 2013 será o que ajudará a alavancar sua carreira. “Não tenho muita experiência na área, acredito que através de cursos vou ajudar a melhorar o meu currículo e conseguir uma oportunidade”, comentou a profissional.
Essa será a mesma atitude do estudante Maurício Fonseca, que irá fazer cursos de atualização na área de webdesign para aumentar os trabalhos que faz. “Acho essencial um profissional sempre buscar conhecer novas ferramentas e métodos, porque assim ele consegue até aumentar a qualidade do que ele oferece”, disse.
E essa é a recomendação de Paula Pedrosa, investir em cursos na área em que atua pode ser uma excelente forma para aqueles profissionais que pretendem potencializar a carreira no próximo ano. “Mas, independente da área profissional, é necessário se policiar, buscar ser mais diplomata, ter jogo de cintura e se dar bem com todos”, apontou.
Outra dica da diretora-executiva da Paulo Pedrosa Headhunter & Associados é procurar estar atualizado em relação a atualidades, isso também conta pontos para conversas sempre necessárias no meio corporativo.

Mudar ou não, eis a questão!

Já quem pretende mudar de profissão, Paula explica que não existe momento propício para isso, pois não depende da data e sim do próprio profissional. “Ele precisa estar ciente de que, provavelmente, sua remuneração irá diminuir, por estar começando em outro ramo e que terá que correr atrás do prejuízo”, indica.
Ela frisa que o importante é o profissional atuar na área que gosta, fazer o seu trabalho com vontade e assim será reconhecido. “A recompensa virá, seja em dinheiro, promoções, premiação ou bônus. O importante é você estar em paz consigo mesmo e com a família, e o resto vai bem”, conclui Paula.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email