Empresa pedi concordata nos EUA

A companhia aérea regional norte-americana Mesa Air Group pedirá na próxima semana que um tribunal federal em Atlanta impeça a Delta Air Lines de encerrar um acordo que levou a companhia a alugar e operar 34 jatos regionais ERJ-145 da Embraer. O acordo responde por 20% das receitas da Mesa e pode precipitar a concordata da empresa.
Sob o programa Delta Connection, pequenas companhias aéreas operam vôos de conexão para a Delta, que anunciou que o acordo com a Mesa e sua unidade Freedom Airlines terminará no próximo dia 31. Se a Delta levar adiante o encerramento do acordo, “a Mesa enfrentará crise de liquidez que a obrigará a entrar em concordata”, disseram os advogados da companhia regional, nos documentos apresentados ao tribunal norte-americano.
O fim do programa Delta Connection deixaria a companhia presa a contratos de aluguel de longo prazo de mais de US$ 600 milhões em aeronaves, de acordo com os documentos judiciais. Isso é parte da dívida que a Mesa assumiu para se qualificar ao programa Delta Connection. “Dadas as atuais condições do mercado, seria extremamente difícil, se não impossível, colocar essas aeronaves em contratos semelhantes, com receita garantida, perante outras companhias”, disseram os advogados.
A Mesa afirma estar sendo sacrificada enquanto a Delta prepara sua fusão com a Northwest Airlines e enfrenta aumento dos custos de combustível.
Além de perder cerca de US$ 20 milhões por mês em receita, a Mesa declarou em documentos submetidos aos órgãos reguladores do mercado que estima perdas de US$ 250 milhões a US$ 300 milhões nos próximos quatro anos com despesas de aluguel, custos trabalhistas e outros gastos.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email