Empresa investe R$ 50 mi para modernizar suas unidades no Brasil

Programa tem por objetivo a elevação dos níveis de produtividade

A Marcopolo S/A concluirá, até outubro deste ano, um programa de investimentos de cerca de R$ 50 milhões em suas três plantas no Brasil – Ana Rech e Planalto, ambas em Caxias do Sul (RS), e na Ciferal, em Xerém (RJ). Iniciado no final de 2007, o programa tem por objetivo a elevação dos níveis de produtividade e qualidade dessas unidades para atender à crescente demanda, sobretudo do mercado brasileiro.
Os investimentos estão sendo realizados simultaneamente nas três unidades e envolvem, desde a ampliação da área construída, em cerca de 30.000 m2, passando pela implementação de novas cabines de pintura, até a aquisição de modernos equipamentos para as linhas de montagem e automatização de processos para a fabricação de componentes.
Mais da metade dos recursos destinam-se à aquisição de equipamentos de última geração, como máquinas de corte a laser, dobradeiras CNCs, fresadoras e robôs, que possibilitarão a aplicação de avançados conceitos de fabricação e montagem da carroceria do ônibus e o aumento sensível do aproveitamento de materiais, com a melhor utilização de matéria-prima e a otimização de todo o fluxo do processo produtivo.
Somente na unidade de Ana Rech estão sendo aplicados mais de R$ 30 milhões na expansão e modernização da fábrica, aumentando em 22.000 m2 a área construída. A nova fábrica de plásticos operará com modernos processos e técnicas de fabricação de peças e possibilitará, além do aumento da capacidade produtiva, melhorias no ambiente de trabalho dos colaboradores com o uso de tecnologias mais limpas, ganhos em qualidade, redução de custos e desperdício.
Entre as melhorias já concluídas estão a construção dos novos prédios para a Assistência Técnica e para PDI (inspeção final de qualidade do produto), que analisa 100% dos ônibus fabricados para assegurar a qualidade do produto final. Também a área de recebimento foi reposicionada para favorecer o fluxo de recebimento e a distribuição das peças, componentes e matérias-primas, visando maior controle e agilidade nesse processo.

Aumento
de capacidade
Primeira fábrica da Marcopolo, Planalto concentra a produção de micro Senior e miniônibus Volare e teve o layout de suas linhas de montagem alterado, com melhor aproveitamento do espaço físico, além de receber novos e sofisticados equipamentos para a fabricação de componentes. A capacidade produtiva passa a ser, a partir deste mês, de 25 unidades/dia.
Fábrica da Marcopolo dedicada à fabricação de modelos urbanos, a Ciferal receberá investimentos de mais de R$ 10 milhões. As principais novidades serão a construção da nova área de pintura, com a instalação de modernas cabines e estufas, e os novos equipamentos com tecnologia de ponta. Isso permitirá um melhor fluxo dentro das linhas, com a elevação da qualidade e da capacidade produtiva de 18 para 25 ônibus/dia.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email