Empresa apresenta produto biodegradável

O Grupo Amazonas, conceituado na fabricação de componentes para calçados, apresenta, este ano, o projeto VOC Zero, na 34ª Fimec – Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes – que acontece entre os dias 13 e 16 de abril, em Novo Hamburgo/RS.
Trata-se do projeto onde serão apresentado os novos adesivos e todos os auxiliares de colagem base água que não contém “VOC” (Compostos Orgânicos Voláteis), desenvolvido pela empresa em 1992, em sua linha de adesivos Base Água com o objetivo de eliminar dos processos de colagens os VOC, que agridem o meio ambiente e contribuem para a instabilidade no sistema nervoso central dos indivíduos em caso de inalação.
Outros produtos ecologicamente corretos e biodegradáveis, desenvolvimentos a partir de pesquisas, já foram apresentados, nos anos anteriores, pela empresa na mesma edição da Feira. O projeto VOC Zero será apresentado, no estande da Amazonas, através de uma ilha tecnológica onde haverá a preparação de calçados Adidas, importante parceira da empresa na elaboração deste processo. Durante os quatro dias de feira a Adidas produzirá calçados da marca que, como a Amazonas, se preocupa com o meio ambiente. A política da empresa também proíbe o uso de peles de animais que tenham sido tratados de forma cruel, sendo eles selvagens ou de criação. Além disso, a Adidas é parceira do Greenpeace e uma das grandes fiscalizadoras quanto ao desmatamento da Floresta Amazônica.
O adesivo que será lançado pela Amazonas, produto mais importante do processo de fabricação do cançado, é biodegradável, ou seja, se decompõe na natureza em um tempo significativamente menor que as colas comuns, transformando-se em água e CO². O adesivo possui cargas orgânicas naturais em sua composição e, portanto não é agressivo ao meio ambiente, diferente dos adesivos a base de solventes, o que o torna ecologicamente correto. Nesta linha o fator sustentabilidade está inserido também na acessibilidade e manipulação do produto, pois existe uma melhor qualidade de vida para os envolvidos na aplicação. Verifica-se também a prática ambiental no uso de produtos naturais e na própria conservação do adesivo no que diz respeito à armazenagem, estoque e transporte. Redução de gastos com EPI (Equipamento de Proteção Individual), exaustores e conservação da segurança patrimonial são destaques que contribuem para os usuários industriais deste sistema.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email