Está aberta a temporada de estágios e a bolsa subiu 11% entre 2012 e 2013. Já tem estudante ganhando quase R$ 2 mil. Por outro lado, os processos seletivos estão mais acirrados. Dos 15 milhões de estudantes disponíveis no mercado todos os anos, apenas um milhão consegue a vaga.
A média do salário de um estagiário no Brasil é de R$ 859,45. A área que melhor paga atualmente é agronomia, com bolsa-auxílio de R$ 1.948.
A mais baixa é para estudantes que cursam dança: R$ 392.
“Isso é um bom sinal, sinal de que as empresas estão investindo. Mas temos que levar em consideração que nem todo mundo está qualificado, então as empresas investem naqueles que conseguem passar nos processos seletivos, que se comunicam bem, que têm bom português, conseguem assimilar a estrutura organizacional das empresas.
A grande maioria dos estudantes não têm essa qualificação, por isso não consegue um estágio”, analisa Seme Arone Júnior, presidente do Nube.
O CIEE (Centro de Integração Empresa-Escola) tem um programa que ajuda a avaliar o estudante durante o estágio. Em parceria com as empresas, o CIEE reúne os estagiários para encontros mensais, onde eles têm a oportunidades de trocar experiências e conhecer os direitos e deveres estabelecidos na Lei de Estágio.
A psicóloga do CIEE, Daniela Fonseca, relata a principal queixa dos alunos: “O desvio de função. O aluno é colocado para exercer uma atividade que não tem nada a ver com o curso que ele faz. Outro problema é o excesso de carga horária: muitos são obrigados a trabalhar mais do que seis horas e tem empresa que não está dando o recesso de 30 dias, que é um direito do estagiário.”

Ensino Médio: R$ 513,73
O estudo, realizado entre os dias 14 de outubro e 25 de novembro, envolveu 23 mil estagiários de diferentes níveis. Todos os participantes possuem contratos de acordo com as regras da nova Lei de Estágio, nº 11.788/08.
Os resultados revelaram um aumento de 11,2% em relação a 2012. A média nacional, agora, é de R$ 859,45. Os dados são da Pesquisa Nacional de Bolsa-Auxílio 2013, NUBE.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email