Emissão de Carteira de Trabalho cresce 37,8% no mês de julho

Segundo dados da SRTE-AM (Superintendência Regional do Trabalho e Emprego no Amazonas), julho foi o mês do ano que registrou o maior número de emissão de Carteira de Trabalho e Previdência Social no Estado: 12.571. O número é 37,8% maior do que a média mensal do primeiro semestre, que foi de 9.117 CTPS. Em relação ao mês de junho, a emissão do documento aumentou em 38% (ou 3.457 unidades).
Mas o total de documentos emitidos este ano continua menor do que em 2008. De janeiro a julho de 2009, foram emitidas 67.275 carteiras no Amazonas, 15,7% a menos do que no mesmo período do ano passado, quando foram emitidas 79.831 unidades.
O Superintendente Regional do Trabalho e Emprego no Amazonas, Dermilson Chagas, destacou as férias escolares como um dos motivos para o aumento da emissão de Carteira de Trabalho e Previdência Social no mês de julho. “Os jovens aproveitaram o período sem aula para tirar o documento e tentar uma vaga no Programa Jovem Aprendiz”, disse o Superintendente. O Programa é uma ação do Programa Nacional de Estímulo ao Primeiro Emprego (PNPE), do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), que une ensino formal com curso de qualificação. A faixa etária dos aprendizes é de 14 a 24 anos. Outro fator que influenciou o crescimento da emissão de CTPS foi a ampliação do atendimento na sede da SRTE-AM. Diariamente, eram distribuídas 160 senhas para a emissão de Carteira de Trabalho. Agora, este número subiu para 200. 

Ações sociais

Outro destaque foi a emissão de CTPS através da Unidade Móvel da SRTE-AM. Com a realização de Ações Sociais, em julho, a Unidade emitiu 370 CTPS durante o mês, 153 a mais do que no mês anterior. Em Manaus, o projeto foi realizado em bairros, como Cidade Nova e Jorge Teixeira. A próxima Ação acontecerá no dia 22 de agosto no Sesi – Clube do Trabalhador, no bairro Aleixo, durante evento promovido pelo Sinduscon-AM.
A Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) é o documento que registra a vida profissional dos brasileiros, reunindo informações que garantem os direitos do trabalhador como aposentadoria, seguro-desemprego e Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Além do registro, também devem constar na carteira as alterações salariais, férias, licenças etc. A Carteira de Trabalho é um direito de todo cidadão e pode ser tirada gratuitamente por qualquer pessoa com mais de 14 anos.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email