Embaixador de El Salvador visita Manaus para ampliar união entre as capitais

Manaus recebe a visita do embaixador de El Salvador, Victor Manuel Lagos Pizzati. O objetivo da visita é assinar acordos bilaterais para que as cidades de Manaus e San Salvador, capital de El Salvador, se tornem cidades irmãs.

Victor Manuel virá acompanhado da ministra conselheira Zoraida Panameño, e do conselheiro Armando Reyes, para assinarem o tratado conjuntamente com o prefeito David Almeida, com o secretário de Cultura e Turismo, Alonso Oliveira, e com a diretora de Turismo, Oreni Braga, da ManausCult. Quem estará ciceroneando Victor Manuel será o cônsul honorário de El Salvador, em Manaus, engenheiro Amílcar Baires, principal articulador do encontro entre as autoridades.

“Esta missão do embaixador salvadorenho e de sua comitiva ao Estado do Amazonas virá assinar um tratado de cooperação entre Manaus e San Salvador. Tal tratado possibilitará o incremento do turismo e da cultura de ambas as cidades bem como ampliará as relações comerciais entre El Salvador e o Estado do Amazonas, abrindo a possibilidade de inúmeros acordos comerciais e industriais do Estado, que terá acesso a um mercado de 47 milhões de pessoas na América Central impulsionando tanto o turismo quanto o comércio do Amazonas e do Brasil”, destacou Amílcar Baires.

O encontro do embaixador com o prefeito de Manaus acontecerá às 10h, no Casarão da Inovação Cassina.

Em seguida ao evento oficial, Victor Manuel atravessará a praça D. Pedro II e irá visitar uma exposição de 26 fotos turísticas de El Salvador, e 30 fotos da Amazônia, no Palácio Rio Branco, organizadas por Patrick Steenbuck, da Amazon Hostelling.

Amigos desde 1906

“As fotos de El Salvador se juntaram às fotos da exposição ‘Guerreiros do Pixel’, que se encontra no Palácio Rio Branco desde o dia 17. Não se trata apenas de uma mostra de fotos, mas de belas imagens daquele país e da região amazônica, porque entendemos que a fotografia pode ser um importante elo entre nós que vivemos aqui na Amazônia e os turistas do Brasil e do mundo que desejam conhecer a nossa região”, falou Patrick.

Esta parceria bilateral estreita laços políticos e culturais de ambas as cidades e países viabilizando projetos e iniciativas em parceria.

A América Central está a um passo de Miami, nos Estados Unidos, e possui o Caribe como cenário, com suas belas praias, tanto no Pacífico quanto no Atlântico. Historicamente é o berço da civilização maia, e atualmente um hub (centro de conexões) de várias companhias aéreas, o que a torna um ponto estratégico devido a sua posição geográfica.

“É importante destacar que as relações bilaterais entre El Salvador e Brasil são fortalecidas através de convênios existentes entre ambos os países, que se unem desde 1906, ano em que estabeleceram relações diplomáticas”, informou Amilcar.

“Nós da Amazon Hostelling temos o maior interesse no fortalecimento dessa união entre as duas cidades e os dois países pois, como empresa amazonense produtora e organizadora de eventos e realizações artísticas, pretendemos levar artistas daqui para mostrar seus trabalhos naquele país, bem como trazer artistas de lá para expor seus trabalhos aqui”, falou Patrick.

“Da mesma forma, como profissional que há anos trabalha com turismo, queremos incrementar os passeios turísticos entre as duas nações”, completou.   

Às 19h, a convite do secretário estadual de Cultura, Marcos Apolo, o embaixador salvadorenho visitará o Teatro Amazonas.

Berço dos maia

El Salvador é o único país da América Central que não apresenta litoral no mar do Caribe. Com extensão territorial de 21.041 km2, a nação é banhada pelo oceano Pacífico (nas porções sul e leste), além de possuir fronteiras com Honduras (a leste) e Guatemala (a noroeste).

A população, 6.163.050 habitantes, é predominantemente mestiça de índios e espanhóis. O idioma oficial é o espanhol. A religião com o maior número de adeptos é o cristianismo (97,5%), com destaque para o catolicismo, seguido por 91% dos habitantes.

O setor industrial atua nos segmentos de processamento de alimentos, bebidas, petróleo, tabaco, têxtil, móveis e cimento. Os principais produtos de exportação são o camarão, café e, principalmente, cana-de-açúcar. Atualmente, uma importante fonte de recurso é o dinheiro enviado por cerca de 1 milhão de salvadorenhos que trabalham em outros países, em especial nos Estados Unidos.

A capital de El Salvador, San Salvador, é um destino surpreendente com parques naturais belíssimos, edifícios que fazem parte das memórias mais importantes do país e mercados municipais que refletem toda a tradição e cultura dos salvadorenhos. O destino é bem eclético com atrações que vão desde o centro histórico, lojas de artesanato, vulcões até sítios arqueológicos bem preservados da civilização maia, um espetáculo à parte. 

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email