16 de abril de 2021

Dólar tem nova queda e é cotado a R$ 1,75

O mercado financeiro passa por uma “trégua” na crise dos EUA, o que anima o retorno dos investidores estrangeiros à Bovespa

O mercado financeiro passa por uma “trégua” na crise dos EUA, o que anima o retorno dos investidores estrangeiros à Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) e favorece o recuo da taxa de câmbio. Segunda-feira, o jornal britânico “Financial Times”, em editorial, afirmou que o Brasil está conseguindo “escapar” praticamente incólume dos problemas da economia americana. No mesmo dia, o banco americano Goldman Sachs publicou informe em que recomendou ações brasileiras.
Ontem, o anúncio de que o governo americano monta um plano –o “Project Lifeline”– para ajudar os devedores é uma das notícias positivas do dia, que contribui para uma forte recuperação de perdas hoje.
O dólar comercial foi cotado a R$ 1,751 para venda, em declínio de 0,39%, nos últimos negócios de ontem. Nas casas de câmbio paulistas, o dólar turismo foi trocado por R$ 1,860 (venda), em decréscimo de 0,53%.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email