Dólar comercial fecha em queda de quase 1% cotado a R$ 1,728

O mercado de câmbio praticamente repete o “roteiro’’ de terça-feira, seguindo a direção inversa da recuperação da Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo). A taxa do dólar só teve algum repique após a intervenção do BC, com seu leilão diário de compra.
O dólar comercial foi vendido por R$ 1,728, em queda de 0,97%, nas últimas operações da quarta-feira. Os preços da moeda norte-americana oscilaram entre R$ 1,737 e R$ 1,723. Nas casas de câmbio paulistas, o dólar turismo foi cotado por R$ 1,830, queda de 1,08%.
Entre as principais notícias do dia, o Banco Central informou que o país teve a maior entrada de dólares do ano (US$ 14.59 bilhões) já considerando as retiradas. O resultado foi impulsionado pelo lançamento de ações do banco Santander e superou por larga margem o fluxo de setembro (US$ 1.36 bilhão).
O Banco Central também revelou que as “apostas’’ dos bancos na valorização do real superam as “apostas’’ na baixa por R$ 3,189 bilhões, considerando aplicações feitas no mercado futuro de moeda no mês passado.
Ainda entre as principais notícias, a Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) calculou inflação de 0,25% para o mês de outubro no município de São Paulo, ante 0,16% em setembro, pela leitura do IPC (Índice de Preços ao Consumidor). Em seu leilão diário de compra, realizado entre 15h29 (hora de Brasília) e 15h39, a autoridade monetária aceitou ofertas por R$ 1,7272 (taxa de corte). O nível das reservas internacionais do país está em US$ 233.08 bilhões (dado de ontem).

Juros futuros

O mercado de juros futuros, que regula o custo do dinheiro nos bancos, reduziu as taxas projetadas para operações de prazo mais longo.
No contrato que aponta as taxas para janeiro de 2010, a taxa prevista foi mantida em 8,64% ao ano; e no contrato de janeiro de 2011, a taxa projetada cedeu de 10,23% para 10,22%. Essas taxas são preliminares e ainda podem sofrer ajustes.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email