Dívidas em atraso têm primeira alta em 5 meses

As compras do Dia das Crianças contribuíram para interromper em outubro a trajetória de redução do índice de inadimplência dos consumidores observada nos últimos meses

As compras do Dia das Crianças contribuíram para interromper em outubro a trajetória de redução do índice de inadimplência dos consumidores observada nos últimos meses.
O indicador medido pela Serasa Experian avançou 5% no último mês em relação a setembro. Foi a primeira elevação mensal depois de quatro quedas consecutivas. Na comparação com o mesmo mês de 2011, a alta foi de 15,3%.

Dia das Crianças

A equipe econômica da empresa atribui o avanço às compras do Dia das Crianças e à fraca base de comparação, já que setembro teve apenas 19 dias úteis, ante os 22 de outubro.
O nível de inadimplência registrou forte alta no início deste ano em reflexo ao maior número de dívidas contraídas pelos consumidores nos últimos dois anos, puxada especialmente pelo segmento de veículos.
Diante de um cenário mais adverso, os bancos passaram a assumir uma posição mais conservadora na concessão dos empréstimos. Esses fatores foram apontados como travas para o crescimento no primeiro semestre.
Com os consumidores evitando novas dívidas e priorizando o pagamento dos débitos ao longo do ano, o nível de inadimplência começou a recuar a partir de junho.
As quedas nas comparações mensais se repetiram nos últimos quatro meses, embora em níveis ainda superiores aos do ano passado.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email